terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Porque dói tanto?

Porque dói permitir que nossos queridos trilhem seu próprio caminho e aprendam com suas escolhas?

Porque dói tanto?

É dificil abrir mão do controle e desapegar.....permitir que o outro faça escolhas....ainda mais quando tais escolhas são perigosas....nos sentimos na obrigação de salva-los....a dor de ver um ente querido trilhando caminhos tortuosos é insuportável e muitas vezes lutamos para salva-los na verdade tentando nos salvar.

Embora pareça impossível de se alcançar o desligamento emocional, quando conseguimos nos enxergar seres únicos e responsáveis somente...repito...somente pelas nossas escolhas....começamos a vivenciar os três primeiros passos dos grupos anônimos.

EU ACEITO MINHA IMPOTÊNCIA

EU CONFIO EM UM SER MAIOR QUE EU QUE PODE

EU ENTREGO TODOS MEUS MEDOS EM SUAS MÃOS.

Quando conseguimos vivenciar tais ensinamentos....acreditem MILAGRES ACONTECEM.

Boa noite a todos

domingo, 24 de janeiro de 2016

Sabedoria é simplicidade...

Conselho de um preto velho a quem tem um dependente quimico na familia...

Minha fia...sermão nunca mudou ninguém.
..as pessoas só aprendem a viver vivendo....então vc vive a vida de quem? A sua certo...se seu marido quiser usar as quimica porque não sabe viver a vida o que vc tem que fazer?

Se vc tiver indo compra uma melância vc diz a ele...to indo compra melância quer vir junto....ai ele escolhe...

Vive sua vida em paz e feliz....se ele quiser participar em paz e feliz vc deixa...se ele quer o vicio...então vc deixa tb ele viver o vicio sozinho.

Não julgue não de sermão...só deixe claro que vc o aceita sem o vicio...a escolha é dele

Por aqui galera tudo na santa paz...o homi segue escolhendo felicidade só por hoje...e eu sigo no meu caminho indo comprar a melância...quem quiser que venha...quem não quiser que fique....

Boa noite a todos 😊

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

É normal uai...

O homi vira e meche diz pra mim: pra vc tudo é normal.

Eu respondo: mais é normal uai..pq não seria.

Então ele diz: Vc tomaria café com a minha ex sem problemas...eu digo: uai e pq não? Desde que existisse respeito, sem pilantragem qual problema? Normal

Se eu me separasse de vc e vc casasse com outro e eu com outra, vc seria capaz de chamar todos pra passar um fim de semana na praia...eu respondo: uai desde que exista honestidade e respeito qual o problema? Normal uai

Pra vc duas pessoas do mesmo sexo se casarem e adotarem um filho é normal...eu digo: uai se existir...respeito...amor e carinho qual problema...carater não se define por opção sexual...normal uai

Então essa semana no segundo dia na minha nova carreira profissional na área da pedagogia me deparo com duas situações....a professora me pergunta? Se uma mãe mandasse seu filho vestido de rosa..com mochila de personagem de menina vc aceiraria? Eu respondo: é preciso avaliar o pq disso...se a criança quer e se sente bem assim e a mãe aprova..uai normal...

Depois de tantas pessoas perplexas em me ver achar tudo normal.....acontece o seguinte fato:

Uma criança começou essa semana na escola está em adaptação e ela choraminga o dia todo que quer a mãe...normal...estamos ajudando na adaptação dela com todo amor e carinho.

Quando a mãe vem buscar ela pergunta como o filho passou o dia...antes da novata aqui abrir a boca a estagiaria mais velha responde: super bem...não chorou brincou com os amigos...está se adaptando bem...eu fiz cara de retardada com um sorriso no rosto...e ao entrarmos pergunto a estagiária mais velha: se a mãe pergunta como o filho passou o dia e ele não estava muito feliz digamos....a gente mente?

Ela sorriu e disse: é pra não deixar ela preocupada...mesmo pq ai ela pode tirar o filho da escola e colocar em outra


Unf isso eles acham normal....taí..pra mim desonestidade não é normal


segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Postagem facebook

Siga em frente

Este é nosso caminho, crescer, evoluir, ir adiante...
Caminhe pra lá, não permita que nada desvie seus passos.
Muitas coisas e pessoas não irão te acompanhar, ficarão pelo caminho...assim é...o crescimento, solitário e todos tem o livre arbitrio para escolher como e quando irão crescer.
Dizer que é solitário não quer dizer que seja triste, pois da mesma maneira que muitos ficarão outros tantos virão de encontro a ti.

Nunca deixe de acreditar nisso.

Um ótimo dia a vocês

sábado, 9 de janeiro de 2016

Ir ou ficar?

Esse é um dos maiores desafios de quem se relaciona com um dependente quimico.

O que você deve fazer?

Digo, não ouça os que te aconselham a partir e nem os que te aconselham a ficar, ouça a Deus....ouça seu coração, eis o grande desafio, saber ouvir com a alma e não com nosso ego e os apegos do mundo.

Não se baseie pelas crenças deste mundo, que dizem respeito ao amor.

Tenha certeza que quando conseguir escutar a Deus, a escolha que fizer lhe fará feliz, pois Ele nunca irá te direcionar a um caminho de sofrimento.

Entretanto lembremos que durante a vida teremos inúmeras escolhas a serem feitas, essa é apenas uma entre tantas.

E a cada escolha ore, medite, fique em silêncio, se harmonize com a natureza e creia assim encontrará os melhores caminhos a seguir.

Deus não quer te punir, Ele quer que vc se lembre de onde viemos e pra onde devemos voltar um dia.

Não há ser humano que não deseje viver feliz, em paz, mesmo aqueles que cometem os maiores erros neste planeta, só estavam atrás da sua felicidade.

É questão de tempo, todos um dia encontrarão o caminho de volta pra casa.

Um grande abraço.

KEL


quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Uma nova visão sobre a prevenção

No livro Mentes Inquietas da autora Ana Beatriz Barbosa Silva que é médica pisquiatra explica que quando pensamos em TDAH, não devemos raciocinar como se estivessemos diante de um cérebro defeituoso...devemos olhar sob um foco diferenciado pois esse funcionamento peculiar na verdade é capaz de ser responsável tanto pelas suas melhores caracteristicas como por suas maiores angustias e desacertos....ela diz também que se tal comportamento não for bem compreendido e bem administrado por eles próprios e pelas pessoas com quem convivem as consequências no agir poderão se manifestar através de diferentes formas de impulsividade....inclusive o uso de drogas...a forma com que irão aprender a lidar com sua impulsividade pode ser uma questão de vida ou de morte.

Ouvimos a cada dia mais crianças serem diagnosticadas com esse transtorno e muitas vezes a primeira abordagem é medicar com remédios fortes ...que consequências teremos no futuro se não aprendermos a enxergar a diversidade das pessoas como algo positivo?
Essa mânia de querer enquadrar todas as cabeças em apenas uma forma de agir formará que tipos de cidadãos no futuro?

Isso também vale a pena ser pensado como prevenção no combate as drogas.

Acesse pelo facebook Drogas: antes, durante e depois.

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Mudanças

Por Kel.

Gostaria de comunicar aos leitores que a Ellen não participa mais do blog, caso queiram continuar acompanhando seus textos acessem o blog Para mudar o mundo de sua autoria.

Um abraço e boa noite

Ele tem estado ao meu lado

Por Kel.

Arrumei uma forma de postar quando o assunto vem na mente....rs...pelo celular...hehehehe

Nunca pensei que ele seria uma das únicas pessoas capaz de me compreender...me ouvir...olhar pra mim e dizer vem cá deixa eu te abraçar quando meu mundo tivesse caindo....ele me surpreende....depois de anos consigo ver ele me enxergar sem levar pro lado pessoal.....nem meus pais são capazes disso....kkk

As únicas pessoas que enxergam meu coração....sem julgamentos....minha madrinha e agora ele.

Ando vivendo dias diferentes....em casa em busca se um estágio na nova área que quero atuar...com meus dois pequenos de férias que não param...e nem sempre consigo ter a paciência e dar a atenção que eles precisam....horas maravilhosas e horas estressantes...cheia de dúvidas em relação ao futuro...ansiedades....

E ele tem estado ao meu lado....



Diário das estações

Por Kel.

Passando por aqui para divulgar o novo blog de uma companheira virtual de longa data, que como tantas outras viveu a codependência e deu a volta por cima: É POSSÍVEL VENCER

Diário das estações

Parabéns mulher e muito sucesso pra ti

S2

segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Drogas: antes, durante e depois

Visite a página do facebook

Faceboo_ Drogas: antes, durante e depois.

O desafio da prevenção

Por Kel.

Nunca se falou tanto sobre drogas...nunca se conheceu tanto sobre seus efeitos e maleficios e por que o consumo aumenta a cada dia que passa?

Por que conseguimos diminuir o consumo de cigarro e o de alcool e drogas ilícitas tem aumentado, principalmente entre os adolescentes?

É algo muito preocupante e que passa batido na sociedade, qual seria a abordagem correta, em que idade?

Será que o prejuízo do estado com gastos em campanhas de prevenção e saúde pública ainda não ultrapassou o lucro que as drogas tanto licítas quanto ilícitas?

É acho que a resposta dessa última pergunta pode nos esclarecer o porquê algumas drogas não são de fato combatidas como deveriam ser.

Enquanto isso...muitas vidas destruídas....e quem paga por elas?

sábado, 2 de janeiro de 2016

A vida se renova quando damos essa oportunidade a ela

Por Kel.

Mais um ano começa, estou aqui pensando quantas familias estão entrando em um mundo paralelo de dor, sofrimento e muita angustia....quantas pessoas estão começando a perceber o uso de drogas de seu familiar...estão começando a se preocupar...e oscilar entre o enfrentamento e a negação deste problema: drogas na família.

Normalmente perdidas nesse mundo paralelo, tentam resolver sozinhas todos os conflitos que permeiam este universo....se perdem adoecem se tornam codependentes.

Vergonha....medo....dor...desinformação....perpetuam o sofrimento adiando a busca por ajuda...mais uma família destruída....mais vidas despedaçadas....

A verdade é que atravessamos um deserto e somente quando acabam nossas forças nos rendemos....fracos nosso pedido de ajuda parte de um olhar de dor e silêncio...

Somente quando acontece a rendição que é possível aliviarmos um pouco a carga que carregamos até esse momento....conseguimos colocar pra fora toda a dor vivida até então e rogamos a um poder superior que nos ajude a voltar a viver.

Então nesse momento o milagre da vida acontece.....nem sempre os milagres são como esperamos...nem sempre temos nossos pedidos atendidos....mas a cada dia que nasce a cada vez que nos rendemos ao que não nos cabe mudar e confiamos em algo além das nossas forças a nossa vida se renova....a cada dia.

A cada dia por mais dificil que seja o caminho...o que não couber a vc mudar...entregue...confie...descanse.

Desejo a todos nesse ano que vivem o sofrimento de ter um familiar adoecido que não esgotem suas forças....aprendam até aonde cabe a vocês proseguir...peçam ajuda....procurem grupos de apoio....se cuidem.

Um enorme abraço a todos.