sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Moça, se ache!

Por E.
Oi gente!
Hoje quero compartilhar o texto de uma amiga, que fala algo que serve para todas nós mulheres... Para as codas então rsrs... Brincadeira! =) Ela não é coda, nem nada... É uma jovem mulher incrível, que aos 18 já sabe algo que custei a aprender e outras mais velhas que eu nem aprenderam ainda... Mas nunca é tarde! Ainda há tempo! Vamo ser feliz!!!

Moça, se ache!
Se gasta muito tempo e grana, com o objetivo de fazer mulheres pensarem que existem mil coisas erradas com a gente. a insegurança feminina é imposta por ser um comércio, e o que podemos esperar, então, é o de sempre:
que nos ensinem a nos comparar com outras mulheres e olhar no espelho com dúvidas, pudores e cobranças. se por acaso, reconhecermos nossa beleza, talentos e valor, nos dirão o quão prepotentes, convencidas e arrogantes somos. blé.
passamos uma vida sendo ensinadas que, ironicamente, nem nosso amor próprio nos pertence. por isso, precisamos agir de 'N' formas, para que sejamos merecedoras do que, essencialmente, é nosso SIM. eis aí, a importância da descoberta que o amor próprio tá dentro de cada uma, só esperando que cê seja um pouco prepotente, e deixe ele aflorar
que você se ache incrível MESMO por ter feito um ótimo trabalho. que aceite elogios sem se diminuir. que se olhe com carinho e se respeite. se ame. se toque. se abrace. que desaprenda mentiras que te oprimem. que você se ache linda, talentosa, maravilhosa. que se ache. e dane-se.
mulheres NÃO são ensinadas a serem confiantes, mas quer saber?
podemos ser autodidatas.
Nayra Lays

Um comentário: