sexta-feira, 15 de maio de 2015

O príncipe encantado

Por Kel.

Sim eu sei, nós mulheres somos românticas e sonhadoras, mas não por acaso, quiseram que fossemos assim.

É sim, fomos induzidas, incutiram isso na nossa cabeça, a história do "príncipe encantado", formaram nossa personalidade para sermos sempre servas em troca de sermos tratadas como princesas, não precisa ir muito a fundo na história (coisa que eu já fiz) basta assistir os desenhos da Disney.

E hoje nos orgulhamos disso e fazemos disso nosso objetivo de vida, para encontrar nossa felicidade precisamos encontrar um "príncipe encantado".

A mulher não nasceu com esse condicionamento, fomos moldadas, pra sermos contidas, sim nós somos mais sensíveis isso faz parte da nossa essência, do nosso instinto e do nosso físico, mas somos fortes também e quando queremos proteger nossas crias, ou quem está sob os nossos cuidados, viramos leoa quando preciso.

Porque um ser com tantas qualidades, sensibilidade, inteligência e força ia precisar de um príncipe encantado?

Não estou aqui querendo dizer pra não nos relacionarmos com alguém, mais acho que precisamos acordar pra quem somos de verdade e parar de justificar pra nós mesmas que PRECISAMOS do príncipe, mesmo que esse seja um sapo.

Não enclausurem a mulher magnifica que está dentro de ti, por causa de príncipes, você é capaz de ser feliz, por si só.

Esqueça os contos de fada.

Te garanto que é muito mais interessante, verdadeira e feliz a vida de uma mulher que descobriu dentro de si mesma o amor pela vida.

O dia em que a mulher descobrir quem realmente é, e colocar essa força criadora pra agir no mundo, esse planeta irá se transformar por completo.

Um ótimo final de semana :)


8 comentários:

  1. Amei! Falei disso num texto também, mas é sempre bom lembrar: http://dependenciaecodependencia.blogspot.com.br/2015/03/origem-do-amor-doentio.html

    "Quem são os personagens favoritos das meninas? As princesas. E como são suas histórias? Elas passam por várias aventuras, sempre tem uma bruxa querendo atrapalhar, elas sofrem, sofrem, sofrem... Mas aí quase no fim da história aparece um príncipe encantado (que ninguém sabe de onde vem, nem o seu nome, mas isso não importa) e as salva daquela vida ruim, e num passe de mágica eles vivem felizes para sempre. Imagine o que somos programadas a aprendemos com isso? Não há final feliz sem a chegada de um príncipe encantado. É responsabilidade dele nos salvar de todo mal e nos fazer feliz. A nós cabe esperar lá no alto da torre, ou dentro de um caixão de cristal, ou adormecida, que com sua bravura ele vença a bruxa, o dragão, todo mundo e me salve com um beijo..."

    ResponderExcluir
  2. Amo contos de fadas... mas não pra mim e nem cabe a minha vida!
    Mas o mundo real é o mundo cão, ninguém é 100% bom ou mau... tudo tem dois lados da moeda.
    Foi assim que aprendi a me virar na vida, fui criada para trabalhar, estudar, ter uma carreira, um futuro.
    Minha vó sempre dizia, os homens não prestam... homem sacode as calças e vão embora a mulher é bem diferente!
    Não é atoa que meus namoros nunca davam certo, nunca fui omissa, aceitei meias verdades, sempre bati de frente, dei a cara a tapa... e ouvi muitas vezes não parece uma moça, parece um macho essa guria!
    Porém... nada é definitivo e pra sempre... quando me apaixonei mudei, me tornei uma verdadeira idiota... e cai nas armadilhas do amor, da adicção e da code.
    E em nenhum dos dois lados pensei no príncipe que iria me salvar, ao contrario, como eu encontraria o caminho pra me salvar...

    ResponderExcluir
  3. Mas concordo... 90 % das mulheres se colocam na posição de fadas, as cinderelas, rapunzel... esperando pelo príncipe.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Oi meninas, fiquei um pouco sumida (internet ruim!!!), amo os contos de fadas...mas a realidade da vida é bem diferente kkkk. Bom, por aqui esta indo tudo bem, o "homi" continua em recuperação, lá se vão dois meses e ele está bem, tem fase que fica muito irritado e acha que pode tudo! essa fase é ruim, porque sobra sempre para mim as ignorâncias...agora ele está bem e tenho notado o esforço dele para seguir em frente sem olhar para trás. Ele está fazendo um acompanhamento espiritual em uma igreja e está sendo muuuiiito bom para todos nós. bjs

    ResponderExcluir
  6. E. é verdade eu lembro que vc escreveu...e o conto de fadas é só um dos artifícios usados para convencer a mulher de que ela deve carregar fardos..rs...tem N exemplos...a virgem Maria...a Eva...O Ali Baba e suas trocentas mulheres...e assim vai...sempre colocaram nossa sexualidade como algo sujo...sempre nos colocaram como culpada pela desgraça do mundo...sempre nos colocaram como santas salvadoras...e objetos sexuais...só esqueceram de nos ensinar a ser livres

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu falei disso nesse texto tbm, inclusive falei da Eva rsrs... É verdade... O sistema é "perfeito" para nos manter escravos e iludidos de sermos livres ainda...

      Excluir