segunda-feira, 11 de maio de 2015

Falta AMOR

“O que mais me chocou foi uma cena que eu presenciei na cracolândia de São Paulo. Tinha uma menina de 12 anos do meu lado que estava com umas pedras de crack para vender. Só que ela foi consumindo, e, quando a pessoa que tinha deixado as drogas com ela chegou, a obrigou a engolir 60 pedras com refrigerante. Depois, atirou na cabeça dela e disse aos outros viciados que ela estava com 60 pedras no estômago. Abriram ela igual porco”, relata Rafael.

Fonte: http://paraentender.com.br/rafael/ 

Ainda resta dúvidas de que o mundo precisa de amor e não apenas discursos de ódio?

Justiça sem AMOR, não é justiça é VINGANÇA.

Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjose não tivesse Amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine. E ainda que tivesse o dom da profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda aciênciae ainda que tivesse toda a de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse Amor, nada seria. E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, se não tivesse Amor, nada disso me aproveitaria. O Amor é paciente, é benigno; o Amor não é invejoso, não trata com leviandade, não se ensoberbece, não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal, não folga com a injustiça, mas folga com averdadeTudo tolera, tudo crê, tudo espera e tudo suporta. O Amor nunca falha. Havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá; porque, em parte conhecemos, e em parte profetizamos; mas quando vier o que é perfeito, então o que é em parte será aniquilado. Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino. Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido. Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três; mas o maior destes é o Amor.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Primeira_Ep%C3%ADstola_aos_Cor%C3%ADntios


8 comentários:

  1. O mundo todo precisa aprender a VIVER o amor. Mas no mundo das drogas, não existe amor, não existe dignidade, não existe sentimento. Nada. Apenas a próxima dose, e pra isso se passa por cima do que for necessário, mesmo que seja o cadáver da mãe, do pai, do próprio filho....o mundo cão da droga. O inferno (um lugar), não existe, é aqui, é a droga.

    Janete

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eis o desafio madrinha...viver o amor...aniquilar o ódio...somos capazes?...sim eu acredito somos...como um dia ouvi em uma palestra, o poder pode ser usado de maneira perversa, porém nunca se esqueçam o amor é invencível, pois dele tudo foi criado...os que não seguem por esse caminho estão apenas desviados

      Excluir
    2. Realmente Janete, no mundo da droga não existe nada de bom, só dor, tristeza, desamor. Bjs.

      Excluir
  2. Tudo um dia voltará a fonte...exatamente tudo

    ResponderExcluir
  3. É um lonnngo caminho. Quantas centenas, milhares de "encadernações"? rsrsrsrs

    Janete

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depende...se achar que é isso realmente será...acredito que não fomos criados pra exatamente isso...e talvez ao invés de evoluir deveríamos apenas relembrar de quem somos...as vezes em apenas uma encadernação se entendermos a essência conseguiremos ir além...

      Excluir
  4. De fato o inferno é aqui!
    E o grande demônio chama-se drogas!
    As drogas fazem as pessoas perderem suas identidades, quem são, oque aprenderam quando crianças (valores), do maior o respeito a si e ao próximo.
    Eu acredito que um dia as coisas retrocedam... mas algumas coisas. Por exemplo as pessoas usam celulares p ser comunicar com o mundo, mas vivem nos seus mundos conversando somente se necessário com quem está dentro dos seus próprios lares. A vida vai ficar tão vazia de sentimentos, de afeto... e o amor, o carinho, o contato serão valorizados e vamos ter que retroceder.
    Mas no caso das drogas, as coisas estão tão avançadas... as pessoas não tem mais identidade e os números crescem a cada dia, que será que há como retroceder? Eu creio que somente com um milagre, por exemplo a criação de uma vacina para inibir o uso, mas ai cabe apenas a cura da dependência física, ai teria uma segundo passo o trabalho psicológico, readaptação... e sabemos que essa é a parte mais difícil... então analisando as coisas de um modo amplo é difícil ver um retrocesso na totalidade, voltarmos aos ponto inicial da vida...
    Então continuamos na velha e verdadeira história... nos chocamos com os acontecimentos bárbaros, mas não sejamos nós parte disso, que façamos o nosso melhor e que possamos ajudar com algo bom e positivo, pois se cada um fizer um pouco juntando... será de grande valia!! bjss

    ResponderExcluir
  5. Concordo, tudo veio da fonte e retornará a ela. Não sei quando, uns demoram mais que outros mas todos viemos desse amor e para ele retornaremos. Isso me reconforta pois sei que se não for nessa vida ele terá outra chance... e não será condenado eternamente. Vai sofrer, mas um dia aprende.

    ResponderExcluir