quinta-feira, 26 de março de 2015

Sentir

Se concentrem no sentir...esse é o segredo....quando aprenderem o por que sentem? O que sentem saberão direcionar essa energia e transformarão a sua própria vida....

Somos crianças aprendendo a usar esse "sexto sentido" que a maioria das pessoas não imagina a utilidade e o poder que tem....

Só nunca se esqueçam que existe uma lei implacável...a lei do retorno..usem a energia dos seus sentimentos com sabedoria.

Compartilho com vocês esse sentimento que vivo agora...o AMOR..a COMPAIXÃO...a FÉ


4 comentários:

  1. Nossa... fiquei toda arrepiada do início ao fim da música! E no fim fiquei emocionada, me vieram até lágrimas nos olhos (se eu tivesse em casa chorava rs)... Sem exagero... E aí eu abri esse vídeo no youtube e leio seu comentário de 9 meses atrás: "simplesmente emocionante". rsrsrs... Beijos amada, obrigada por essa alegria! =D

    ResponderExcluir
  2. Vídeo emocionante.
    Meninas tenho acompanhado diariamente as postagens e observando como as coisas estão evoluindo bem para todas nós. Junto com vocês tenho percebido o quanto preciso mudar como ser humano e estou nessa luta. Alguns dias atrás meu ex marido me procurou e decidimos voltar (já que ainda o amo muito) apesar de estar bem recente nossa volta; mas hoje já consigo visualizar onde estão os meus erros e peço a Deus serenidade para mudar apenas aquilo que posso.
    Ele está há 15 das limpo (daí eu pude perceber quais foram as qualidades que encontrei nele quando decidi me casar). Conversamos muito dos meus sentimentos (mágoas, raivas e etc..) de quando ele tem uma recaída; mas nem sempre paro para pensar como ele se sente (tristeza, frustração...) por não conseguir corresponder minha expectativa e se manter limpo. Não estou dizendo que vou aceitar tudo que ele fizer, mas quero aprender a compreender melhor sem julgar as fraquezas de um adicto. Resumindo meninas, Tamos juntas!!!!

    ResponderExcluir
  3. Relendo seu texto agora... fez outro sentido... Nossa! Como o nosso ego nos deixa cegos! Sabe aquela expressão cego de raiva, ou cego de ciúmes? Vou passar a chamar de cego de ego, pq no fundo é tudo culpa dele (nossa). Enfim...

    Carla, fico feliz, você tava sumidinha, senti sua falta... Tamo junta sim! Entendo perfeitamente sua situação, estou passando pela mesmissima coisa... Constatei hoje, julgo tanto e as vezes cometo os mesmos erros (não na recaída mas em outras coisas)... Somos todos seres humanos. A diferença está apenas em como lidamos com isso... Um conselho que te dou que serve pra mim também: não espere muito dele, não deposite expectativas... Mesmo que viva sob o mesmo teto vai cuidar da sua vida. Tenha hobbys, interesses, faça planos independentes dele. Não dependa dele pra nada, nem pra ser feliz. Muito menos pra ser feliz! E se ele fizer ou falar merda ignore. Não se ofenda nem se decepcione com isso, não se afete. É difícil? Putz, é virar o buda como diz a Kel... Mas é o único jeito...

    ResponderExcluir
  4. E. Obrigada por sentir minha falta, bom saber que tenho vocês (nós codependentes somos meio carentes). É nesse caminho que quero seguir daqui para frente ser feliz e não criar expectativas, estou aprendendo cuidar de mim tb. Bjs

    ResponderExcluir