terça-feira, 24 de março de 2015

Quando estiver triste...lembre-se aqui é apenas uma passagem

Pensem em Deus...ligue o som e ouça

Amor igual ao teu
Eu nunca mais terei
Amor que eu nunca vi igual
Que eu nunca mais verei

Amor que não se pede
Amor que não se mede
Que não se repete
Amor que não se pede
Amor que não se mede
Que não se repete

Você vai chegar em casa
Eu quero abrir a porta
Aonde você mora
Aonde você foi morar
Aonde foi

Não quero estar de fora
Aonde esta você
Eu tive que ir embora

Mesmo querendo ficar
Agora eu sei
Eu sei que eu fui embora
Agora eu quero você
De volta pra mim

Amor igual ao teu
Eu nunca mais terei

Amor que eu nunca vi igual
Que eu nunca mais verei

Amor que não se pede
Amor que não se mede
Que não se repete
Amor que não se pede
Amor que não se mede
Que não se repete
Amor igual ao teu
Eu nunca mais terei

Amor que eu nunca vi igual
Que eu nunca mais verei

Um comentário:

  1. Bom eu decidi me amar...
    Tentei tudo...
    Me doei...
    Fiz a recuperação como se a adicta fosse eu...
    Há engano... meros sonhos dele, que era minha vida...
    Mais uma vez a droga foi tão forte e o tsunami passou devastando tudo
    brigas agressões verbais, físicas, dinheiro, perdas em geral
    E após 4 anos eu disse: CHEGA!
    Me separei!
    Estou só levando o vazio...
    Se mágoas rancores... talvez não tenha caído a ficha, talvez não tenha pensado ainda...
    Mas estou vazia!
    E a adicção é a doença do ainda...
    que ainda não brigou vai brigar
    quem ainda não roubou vai roubar...
    e assim vai...
    meu conselho... não adoeçam como eu
    corram enquanto há tempo...
    vejam se vale a pena tudo isso por amor
    amor incondicional...
    esse era o meu amor...
    não como precisar oque ele sentia então não julgar ou falar...
    mas meu amor foi massacrado
    foi magoado
    agredido
    juntei forças p sair do fundo do poço e vou lutar para não recair...
    bjs meninas
    Obg Kel e Flor pelo apoio e carinho
    bjsss

    ResponderExcluir