segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Espelhos



Ando recebendo emails, comentários de mulheres que vivem ao lado de um adicto, mulheres essas como eu, há pouco tempo atrás.
Cheias de tristeza, magoa, raiva, incertezas, amor, esperança e fé.

Quantas e quantas vezes eu me levantava pra ir trabalhar e no caminho eu chorava dizendo: Eu não aguento mais...Eu não consigo...Como meu Deus? Me mostra o caminho.

Quando leio os desabafos, minha vontade é de dar a direção e dizer, faz assim, vai por ali, entra aqui, não porque eu ache que o caminho que escolhi é o único ou o mais correto, mas porque gostaria de amenizar a dor de quem passa pelo que eu já passei.

Sei o quanto frases prontas em hora de desespero, muitas vezes nos desesperam mais ainda, porque tudo o que queremos é uma resposta e não mais uma charada em nossas vidas.

No momento de desespero queremos apenas a solução, pra que aquilo tudo passe, acabe e que nunca mais precisemos nos sentir assim.

Existem sim direções que podem ser apontadas, mas não existe a direção certa, somos diferentes uns dos outros, portando ao ouvirem ou lerem qualquer coisa em qualquer lugar, questionem se aquilo serve e faz sentido pra você.

Nunca tomem como verdade absoluta o que vocês lerem ou ouvirem, nem em grupos, nem em clinicas, nem em blogs, nem aqui e nem em lugar algum, se questionem e aprendam a decidir por vocês.

Quanto ao dividir a vida com uma pessoa seja ela adicto ou não, a partir do momento que vc decidir dividir a vida com alguém e esse alguém esteja fazendo escolhas que lhe tragam prejuízos, não invente desculpas a si mesma para continuar a permitir se prejudicar pelas escolhas dos outros.

Jesus ao salvar Maria Madalena do apedrejamento, não entrou na frente dela pra levar pedrada, ele foi assertivo ao dizer quem nunca pecou que atire a primeira pedra.

Portanto vamos eliminar esse tipo de pensamento da nossa vida, que quem ama se sacrifica pelo outro, o que não é verdade, quem ama, aceita, ajuda, acolhe e principalmente se ama, se ajuda e se acolhe não permitindo abusos contra si mesmo, isso não é falta de amor, isso é AMAR.

Amar o suficiente pra olhar pra quem lhe prejudica e lhe dizer, eu te amo, mas você não vai fazer isso comigo, eu te perdoo, mas acredite que irei de todas as formas me proteger de prejuízos que  foram causados por você.

Eu assumo as consequências dos meus atos, e você assume os seus.

Isso eu afirmo sem medo de errar: ao nos permitirmos sofrer as consequências dos atos de outra pessoa estamos errando duas vezes, deixando de nos amar e evitando que o outro aprenda e evolua.

Portanto viva sua vida, e que cada um viva a sua, isso não é egoísmo, isso é amor: Ajudar a levantar sim, carregar nas costas não.

3 comentários:

  1. Bom dia!
    Kel, nossa acho que todos os dias vc tem uma palavrinha pra mim!
    Obrigada de coração!
    Meu marido enlouqueceu novamente, ativa, usando com força, incomodando com força e me resta sofrer com força!
    Usa a maldita da cocaína, vê "bichos" me chama de sem vergonha pra cima, me xingou de tudo que bem entendeu na sexta, com as desconfianças infundadas dele, virou noite fora de casa... filme de terror! Tive que sair da minha casa, dormir na minha tia com medo das alucinações, ainda se junta com um bando de merda que em vez de ajudar fica incentivando as loucuras dele, porque tbm usam...
    Eu estou esgotada, triste, desiludida, infeliz, mas amo!
    Minha tia aconselhou, tínhamos um casamento importante na família, não queríamos estragar o final de semana da minha familia, depois um casal de amigos tbm aconselhou ele, estava tudo se tranquilizando... bastou uma ida ao jogo e depois uma cerveja e um teco pra loucura voltar... o saldo disso tudo: Me olho no espelho vejo uma mulher de 32 anos batalhadora, honesta, que vive pra casa, pro marido e pro trabalho, infeliz e sem perspectiva de vida! enho muitos sonhos, mas quem não tem.... mas não vejo maneiras de alcança-los e tbm nem forças pra correr atrás, me vejo sem coragem, sem esperança.
    As vezes vejo que há 3 anos eu tinha 29 anos o tempo passou hj tenho 32 anos e quero ser feliz ter uma familia pra cuidar pra eu amar e ser amada, ter a familia que eu não tive, pois meu pai viciado em cocaina não pode me dar e nem deixou a minha mae me dar... e que com ele não terá condições disso nunca, que se eu levar essa loucura essa doença pra frente daqui a pouco tenho 40 45 anos não adquiri nada na vida e não realizei meu sonho ter uma familia feliz longe desse vicio maldito... ai me encho de esperança e penso ele é ão bom quando está longe dessa merda é a pessoa que amo e que e faz feliz... ai fica essa confusão, incertezas...
    Mas uma coisa é certa e tenho plena consciencia, isso me faz mal, me maltrata e não posso deixar machucar assim por uma doença que não é minha e por erros que não são meus.
    Rezo a Deus que me dê sabedoria pra dirigir minha vida pois estou entre a Crus e a espada! Ou vivo de amor e enterro com ele ou caio na real sofro com um desligamento e um dia terei a chance de ser feliz de verdade... Muito dificil!
    Acordar é facil, tomar a decisão certa é o difícil.
    bjs querida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sharon, vc é nova e não existe idade certa pra ser feliz e correr atrás de sonhos, a única coisa que me vem na cabeça pra lhe dizer é não se preocupe em fazer o certo, se preocupe em fazer o que te faz bem, há quantos anos você tem feito a mesma escolha? Quer resultados diferentes faça diferente, insanidade é achar que as coisas serão diferentes se continuarmos a fazer sempre as mesmas coisas...preste atenção nessa frase a qua VC escreveu: Mas uma coisa é certa e tenho plena consciencia, isso me faz mal, me maltrata e não posso deixar machucar assim por uma doença que não é minha e por erros que não são meus....sua decisão está ai...se der medo...vai com medo mesmo...tmj e vc não está sozinha...bjus

      Excluir
    2. Kel, muito difícil tomar uma decisão quando os sentimentos estão envolvidos... a gente sempre dá mais uma chance e mais uma... Graças a Deus estou aprendendo a me manter de pé e ter paz, mas nada que me faça deixar de sentir tristeza e pesar pelo que poderia ser se não houvesse as drogas em nossas vidas!
      Obg pelo carinho bjss

      Excluir