sexta-feira, 31 de outubro de 2014

A origem

Nossa...se eu contar as coisas que tenho vivenciado, acho que a metade dos leitores me achariam uma maluca...kkkk

Nunca mergulhei tão fundo dentro de mim, depois que passa a tempestade, consigo enxergar como eu fiquei cega e que todas aquelas tensões, sentimentos, solidões vinham daqui de dentro, do meu eu.

Depois que conseguimos nos desvencilhar das nuvens negras que insistimos em carregar em nossas mentes, o céu se abre e a luz nos mostra exatamente aonde está o problema: na nossa imperfeição, ao olharmos pra nós mesmos e descobrirmos que o tempo todo estavamos nos comportando como crianças fazendo bico por não entender o todo, não compreender o próximo, querer que nos aceitem sem antes nos aceitarmos, nos envergonhamos, e em prece, cabisbaixos pedimos: pai me perdoa... quando conseguimos de verdade, do fundo do coração reconhecer nossos erros, o papai do céu nos carrega no colo e nos conforta, nos presenteia e nos emociona.

Nos mostrando mais uma vez a direção, e amorosamente nos diz: continua filho e por mais difícil que a situação pareça, não se esqueça você não está sozinho, quando suas forças acabarem, basta me permitir chegar perto de ti, mas pra isso é preciso abrir seu coração e não se fechar na revolta, nas angustias, somente abra seu coração e confie eu estou aqui

É isso, eu só tenho a agradecer a grande oportunidade que estou tendo de crescer consciencialmente. agradecer e pedir pai não me deixe esquecer quem sou, de onde vim e pra onde vou, que minha humildade e fé me sustentem nessa escola chamada vida.

Um excelente final de semana pra vcs, abra seu coração e receba a graça de ser acariciada pelo nosso pai.

2 comentários:

  1. Muito bom Kel!
    Fico feliz por vc...
    Kel vc lei sobre os artigos sobre a Ibogaína, o que vc achou?
    tens alguém conhecido, mas conhecido mesmo que ateste? porque há muitos depoimentos, mas muitos são contraditórios...
    Hoje bateu o chá do já tô bom e ele queria sair da cínica... eu e meu sogro negamos, dissemos que ia ficar na rua... resolveu ficar na clínica...
    Olha, Deus que me perdoe mas a vontade e de dar uma camaçada de pau deixar uns dois meses de molho na cama, só assim p poder ficar longe das drogas... ai depois sim poder conversar e dar um conselho e ver oque ele quer da vida, pq no momento só a droga fala!
    Mas, enfim... ficou lá... graças a Deus!
    E eu quero saber mais sobre a Ibogaína, vi uma reportagem no Jornal Hoje o médico disse que 1 comprimido só é dado e 1 dia só basta p ter alta e que 90 % de chances de dar certo... já nos comentários das clínicas vi que são 4 dias e doses com até 10 comprimidos...
    Enfim, gostaria de conhecer alguém real, que ateste que foi fez o tratamento e esta se mantendo abstinente com mais facilidade...
    bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sharon me passa seu email, pode mandar pro meu: netrak_r@hotmail.com

      Excluir