quarta-feira, 2 de abril de 2014

muito se Fala...pouco se Faz




Vejo muito em noticiários, conversas, debates que quando um filho adolescente começa a beber, a fumar, a fazer coisas erradas, várias pessoas apontam o dedo e questionam: Cadê os pais desses adolescentes?

Nós tendemos a sempre buscar um "culpado" pela situação, e esquecemos de nos incluir no que se diz respeito a sociedade.

As drogas (lícitas e ilícitas), não são mais um problema de polícia, não são mais um problema exclusivamente da família, mais sim um problema da sociedade

Criticamos atitudes tomadas pelo governo, o auxilio "bolsa crack",  sem nem ao menos de fato conhecer a problemática o qual estão opinando

E nós antes de procurarmos nos unir para encontrar meios eficazes de se combater tal problema, simplesmente apontamos o dedo e acusamos.

A família é responsável por transmitir princípios aos seus filhos, como honestidade, responsabilidade, cidadania, respeito, etc, etc. Os filhos não viverão isolados do mundo dentro do seio familiar para sempre, uma hora eles terão a vida deles e o livre arbítrio entre escolher o certo e o errado.

A policia, somente pode prender os traficantes e recolher as drogas que forem aprendidas.

Por que uma pessoa usa drogas, já pararam pra pensar?

São inúmeros motivos, curiosidade, fuga, baixa autoestima, aceitação, etc, etc, algo muito particular de cada indivíduo, conversando com pessoas que viveram de alguma forma essa problemática a grande maioria diz que foi por curiosidade apenas, gostou do efeito e tenderam a repetir até se tornarem um dependente quimico.

Então você que não tem um dependente químico na família, que não é um dependente químico se questiona: O que eu tenho haver com tudo isso?

Tem haver o fato de você ficar repetindo informações as quais são lançadas diariamente pela imprensa sensacionalista, quando diz que o crack virou uma epidemia.
O crack e a cracolândia, são apenas uma misera pontinha do Iceberg, sabe a sujeira que aparece e que choca?
Isso é a cracolândia e o crack, se engana quem pensa que acabando com a cracolândia a problemática drogas está resolvida.
Tem muita gente se perdendo na dependência química, autoridades, prefeitos, famosos, inclusive de outras drogas cujo a destruição acontece mas em velocidade menor como: COCAÍNA, O ÁLCOOL, A MACONHA, OS REMÉDIOS, ETC.
A guerra contra as drogas é de todos, e nós como cidadãos devemos fazer a nossa parte, procurando entender do que realmente se trata, e divulgando informações de qualidade que realmente ajudem na prevenção e no combate a esse mal.

Nesse final de semana acontece um congresso sobre esse assunto CLIQUE AQUI

Precisamos assumir nosso papel como cidadãos e erguer as mangas, trabalhando por um futuro melhor do nosso país.

Ou ficaremos sempre apontando o dedo pra algum culpado e sentados no sofá esperando que o país melhore?

O MUNDO MUDA QUANDO VOCÊ MUDA

Pensem nisso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário