quinta-feira, 29 de agosto de 2013

lembranças!!!




Bom dia..ou boa madrugada pra quem ta acordado ainda....rs..

Hoje fiquei meio triste, um tanto quanto nostálgica...rs..fui levar meu carro ao mecânico para regular e levar no controlar, esse mecânico fica no bairro em que cresci e que voltei a morar com o Dú a pouco tempo atrás, muitas lembranças vieram em minha mente.

Na volta em frente ao ponto de ônibus, entrei em uma padaria pra comprar chocolate pra minha baixinha que estava comigo e encontrei uma conhecida que há uns 10 anos não a via, coincidência ou não os dois irmãos dela (Cezar e Dentinho) cresceram comigo e há 20 anos atrás se envolveram com drogas, me lembro eu tinha uns 12 anos, o Cezar uns 14 e o Dentinho uns 12, eles fumavam maconha em uma casa abandonada la na rua, depois de 3 anos já estavam no Crack e a última noticia que tive deles era que o Dentinho estava desaparecido e o Cezar não se tinha noticias.
Eles acabaram me influenciando e confesso que por causa deles eu não tive coragem de experimentar cocaína e crack, pq me lembro deles brincando na minha casa, na rua e alguns anos depois lembro deles perambulando pelas ruas do nosso bairro como uns "nóias".
Não tive coragem de perguntar sobre eles, essa irmã era mais nova na época devia ter uns 6 anos, lembro que a mãe deles, vendeu tudo a casa, os móveis e fugiu dos filhos para o interior, somente anos depois elas voltaram, quanto sofrimento essa família deve ter vivido, essa irmã que era uma criança.

Fiquei muito triste, eu sei do poder de destruição da droga isso não é novidade pra mim, mais , relembrar por alguns instantes o quanto eu já fui feliz naquele lugar, onde dependência química era um assunto que eu via mais não vivia, fizeram algumas lágrimas rolarem no meu rosto, como estão rolando agora enquanto eu escrevo.

Eu sei que o passado eu não mudo, já aceitei e não me revolto mais com isso, mais hoje eu estou triste em saber que se a droga não tivesse presente na minha vida e na do Dú, nossas vidas teriam sido muito diferentes.

Deu saudade até da minha ignorância sobre o assunto....rs.me lembrei quando alugamos a primeira vez a casa nesse bairro , logo após levarmos o contrato assinado na imobiliária pegarmos a chave, entramos na casa vazia nos olhamos e nos abraçamos, com um bando de expectativas e com a certeza de que seriamos felizes, sem drogas, sem brigas, sem noites acordadas apenas um casal comum que estava começando uma nova vida e aquela seria uma nova oportunidade.

Maaaaaaais eu despertei da Matrix...kkkk a realidade infelizmente hoje é outra, lógico que existe esperança, lógico que existe felicidade...mais pqp...meu coração não é mais o mesmo...cansado talvez, machucado demais.
Só por hoje eu quero chorar e colocar essa tristeza que ta machucando e fazendo meu peito doer pra fora
Só por hoje eu me permito ser quem eu sou, eu não sou guerreira, não sou salvadora, sou apenas eu uma mulher tentando ficar de pé nesse mundo que ta de cabeça pra baixo.

Fiquem com Deus

3 comentários:

  1. Não posso dizer que isso passa, que tudo vai ficar bem, que deixe na mão de Deus. Porque a vida real não é assim, o que machucou não desaparece como mágica. Só posso dizer que dá pra fazer um futuro diferente, dá pra tentar ser feliz. E que estou aqui de mãos dadas com vc.

    Janete

    ResponderExcluir
  2. Estou exatamente nesse momento da minha vida. Tão cansada de ficar de pé....saudade do tempo em que DQ era apenas uma noticia sobre terceiros e que eu na minha santa ignorância nem sonhava um dia conviver.
    Mas a vida muda e temos que aceitar isso, um dia de cada vez vou vivendo e tentando resolver cada coisa ao seu tempo. Meu marido esta na ativa mais uma vez, então é impossível n ficar nostálgica. BJsssss

    ResponderExcluir
  3. Kel... força... Fica a saudade do éramos de bom, de inocentes, do desconhecimento.... mas fica tbm a força de lutar por dias melhores!
    TMJ
    Bjs

    ResponderExcluir