quinta-feira, 29 de agosto de 2013

lembranças!!!




Bom dia..ou boa madrugada pra quem ta acordado ainda....rs..

Hoje fiquei meio triste, um tanto quanto nostálgica...rs..fui levar meu carro ao mecânico para regular e levar no controlar, esse mecânico fica no bairro em que cresci e que voltei a morar com o Dú a pouco tempo atrás, muitas lembranças vieram em minha mente.

Na volta em frente ao ponto de ônibus, entrei em uma padaria pra comprar chocolate pra minha baixinha que estava comigo e encontrei uma conhecida que há uns 10 anos não a via, coincidência ou não os dois irmãos dela (Cezar e Dentinho) cresceram comigo e há 20 anos atrás se envolveram com drogas, me lembro eu tinha uns 12 anos, o Cezar uns 14 e o Dentinho uns 12, eles fumavam maconha em uma casa abandonada la na rua, depois de 3 anos já estavam no Crack e a última noticia que tive deles era que o Dentinho estava desaparecido e o Cezar não se tinha noticias.
Eles acabaram me influenciando e confesso que por causa deles eu não tive coragem de experimentar cocaína e crack, pq me lembro deles brincando na minha casa, na rua e alguns anos depois lembro deles perambulando pelas ruas do nosso bairro como uns "nóias".
Não tive coragem de perguntar sobre eles, essa irmã era mais nova na época devia ter uns 6 anos, lembro que a mãe deles, vendeu tudo a casa, os móveis e fugiu dos filhos para o interior, somente anos depois elas voltaram, quanto sofrimento essa família deve ter vivido, essa irmã que era uma criança.

Fiquei muito triste, eu sei do poder de destruição da droga isso não é novidade pra mim, mais , relembrar por alguns instantes o quanto eu já fui feliz naquele lugar, onde dependência química era um assunto que eu via mais não vivia, fizeram algumas lágrimas rolarem no meu rosto, como estão rolando agora enquanto eu escrevo.

Eu sei que o passado eu não mudo, já aceitei e não me revolto mais com isso, mais hoje eu estou triste em saber que se a droga não tivesse presente na minha vida e na do Dú, nossas vidas teriam sido muito diferentes.

Deu saudade até da minha ignorância sobre o assunto....rs.me lembrei quando alugamos a primeira vez a casa nesse bairro , logo após levarmos o contrato assinado na imobiliária pegarmos a chave, entramos na casa vazia nos olhamos e nos abraçamos, com um bando de expectativas e com a certeza de que seriamos felizes, sem drogas, sem brigas, sem noites acordadas apenas um casal comum que estava começando uma nova vida e aquela seria uma nova oportunidade.

Maaaaaaais eu despertei da Matrix...kkkk a realidade infelizmente hoje é outra, lógico que existe esperança, lógico que existe felicidade...mais pqp...meu coração não é mais o mesmo...cansado talvez, machucado demais.
Só por hoje eu quero chorar e colocar essa tristeza que ta machucando e fazendo meu peito doer pra fora
Só por hoje eu me permito ser quem eu sou, eu não sou guerreira, não sou salvadora, sou apenas eu uma mulher tentando ficar de pé nesse mundo que ta de cabeça pra baixo.

Fiquem com Deus

exercitando



Bom dia Galera

Pois é quem pensa que recuperação é tocar arpa no céu, está muito enganado, recuperação é raspar a ferida pra cicatrizar, no inicio doi pra caramba, mais depois da força que ganhamos pra não nos permitir machucar da mesma forma é uma sensação de liberdade, de dar valor ao que realmente importa e saber que você pode tudo, pq tudo está na sua mente a forma com que vivencia e encara os fatos, a forma com que escolhe viver, somos o que nos permitirmos ser.

Ontem o clima entre eu e o Dú estava tenso, complicado, ele passando por uma crise não sabendo lidar com sua vida, seus sentimentos acaba descarregando toda essa energia na pessoa mais próxima a ele que sou eu, e no fim eu ainda abro algumas brechas e acabo sendo atingida de raspão por esses sentimentos destrutivos, culpa dele? Não, responsabilidade minha, as pessoas são o que devem ser eu que devo saber viver com elas, impor meus limites.

Uma frase muito sábia do Chico Xavier nos ensina um pouco sobre isso:

Aos outros permito que sejam como quiser e a mim como devo ser"

Pois é e eu como um ser humano cheio de imperfeições caminhando em busca de aprendizados, tenho tido dificuldades em alguns exercicios que a vida tem me dado de lição.

Mais vejo progressos, antes eu passaria dias, remoendo os sentimentos por causa dos outros, hoje eu ainda sinto a carga negativa de certos sentimentos, mais hoje eu sei que posso e devo escolher como lidar com eles.

Sozinha eu nunca iria conseguir, só consigo com a ajuda de Deus e de meus iguais, madrinhas, amigos, grupos, vocês leitores do blog que deixam mensagens nos posts.

O Dú até ontem ainda estava batendo cabeça pq teima que sozinho da conta, não, não dá.

Ele vai conseguir superar se superar quando ele entender isso que sozinho ele não da conta, quando ele pedir ajuda.

Mais pra isso ele precisa reconhecer que está errado na forma de pensar, só existe uma verdadeira mudança quando admitimos a nós mesmos que estamos errados, enquanto achamos que estamos cheio de razão, não há necessidade de mudar.

Enquanto isso eu faço a única coisa que posso por ele, pedir a Deus que o proteja dele mesmo.

Ontem ele me pediu desculpa e disse chorando: Eu to tentando, to lutando mais não seis e vou conseguir...olha a insanidade prefere ceder a doença do q ir a um grupo

Bom dia pra vcs e fiquem com Deus

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

e denovo E DENOVO..




Bom dia Galera...

Gente como certas coisas se tornam repetitivas...como o comportamento do adicto gira e gira e gira em torno do mesmo ponto quando estão com a mente fechada, no autoengano, afff

Vamos ao causo:

Desde que o Dú parou de ir aos grupos por livre e espontânea pressão, o comportamento dele tem piorado e melhorado, piorado e melhorado e sempre no mesmo ponto e na minha opinião das duas uma ou ele volta a focar na recuperação dele, volta pros grupos, volta a praticas os 12 passos, se conhecendo se  modificando ou ele vai recair, pq nesse ciclo maluco de autoengano e mente fechada que ele entrou não vai durar muito ou vai pedir ajuda no amor ou na dor.

Eu rezo que ele faça boas escolhas, ouço seus desabafos e em horas oportunas dou uns conselhos, hora com amorosidade e hora na marreta mesmo.

A queixa dele é a seguinte: ele não sabe viver em ambientes onde ele não é bem vindo, onde as pessoas fazer cara feia pra ele (traduzindo ele não sabe viver em ambientes onde as pessoas não fiquem puxando seu saco insegurança pura)
Na casa dele os familiares dele são bem na deles, facilitação ZERO.
Na minha casa meu pai com toda razão do mundo, não fica puxando o saco de ninguém, o cumprimenta normal mais não tem amizade com ele.
No trabalho dele os motoqueiros que trabalham com ele são adictos e estão na ativa e os chefes por sua vez desconfiam de todos os funcionários, então vira e meche rola umas indiretas.

Essa é a vida dele hoje, essas são as situações as quais ele não sabe lidar e como ele mesmo diz: espera que Deus abra um caminho ou traduzindo( espera que ele ganhe uma casa pra ir morar sozinho, apareça um emprego que ele ganhe super bem pra se manter ou que eu volte com ele e banque a casa...kkkk)

Não que seja impossível  uma dessas coisas acontecerem ( a não ser o fato de eu voltar a morar com ele agora e bancar a casa como antes isso sim digo impossível no momento) porém não da pra ficar esperando né....rs..pois é mais pra ele é assim ele fica esperando algo acontecer pra que ele saia desse ciclo e ontem a marreta foi falando sobre isso, ele passou meia hora no telefone desabafando um assunto que em 2 minutos seriam o suficiente para que eu entendesse, mais ele repetia e repetia e repetia resumindo: não estou sabendo lidar com a minha vida na situação que ela se encontra e não a nada que eu possa fazer.

Depois de meia hora no telefone falando e uma despedida dele..ele desligou....kkk eu não disse nada só alô e o tchau não deu tempo de dizer..kkkkkk

Ai ele liga de novo e por mais uns 5 minutos deixei ele falar, quando ele parou pra respirar eu aproveitei e da-lhe marreta:
- Escuta já te disse e vou repetir, desde que vc parou de ir ao grupo vc está desse jeito embarulhado com a sua vida..ele ia interromper...eu ouve mais uma vez vc não está aceitando a situação e quer que o mundo mude pra se adequar as suas emoções má noticia o mundo não vai mudar você tem que mudar, aonde não sei no raio que  o parta igreja, grupo, psicologo mais quem tem que mudar é VOCÊ
Outra coisa, ou muda ou recai e sofre mais ainda, até você entender que VOCÊ TEM QUE MUDAR.
Enquanto você fizer do seu jeito vai dar no que está dando, rodando em circulo com a mente fechada e no autoengano até dar com a cara no chão e ter que mudar
Ai foi a vez dele responder:
- Você não me entende, pq eu não sei lidar com blablablabla
Eu:
- Para sua mente ta tão fechada que nem conversar você sabe, reparou vc não conversa vc fala e fala e fala e fala sempre a mesma coisa...mente fechada...ele ficou quieto...continuei poxa vc acha que quero competir com vc pra mostrar quem está certo para eu só me preocupo pq vejo vc trilhando um caminho onde sabemos o final e suas consequências pq vc não me escuta pelo menos, escuta o que lhe digo e analisa pelo menos isso e não finge que não ouviu nada, poxa para e pensa aceita ajuda....pq pra mim quando vc vem desabafar e fica repetindo a mesma coisa varias vezes eu entendo que vc está confuso e precisa ouvir algo...eu lhe digo o que acho e vc nem ao menos para pra pensar sobre, se pega na sua razão e na sua mente fechada caramba.
Ai ele quis mostrar que estava se modificando, evitando hábitos, pessoas e lugares.
Então da-lhe mais marreta
- Dú isso é o básico o minimo pra vc ficar de pé, recuperação vai além disso, recuperação é transformação dói e dificil, se não fosse não teria tanta gente morando nas ruas entregue ao vicio, recuperação é pra quem quer e não pra quem precisa, mais só tem esse caminho essa é a subida do poço, ou sobe ou fica ai no fundo, não tem outro jeito, podem existir maneiras diferentes de se subir, cordas ou ferramentas diferentes (grupo, igreja, terapia) mais o caminho é um só ou se modifica ou se entrega e vive sofrendo, o que posso lhe dizer é que viver a recuperação pode ser dificil no inicio mais é compensador é ser livre, porém a escolha sempre será sua.
Ele:
- Calma que eu sou apenas um humano e tenho limitações.
- Jura não parece que vc se acha um humano pelo contrario, vc ta mais pra super homem, quer fazer e acontecer tudo sozinho não pede ajuda, decide quem vc é o super home ou o ser humano?Eu sei que vc é um ser humano e é por isso que eu falo PEDE AJUDA CARACAAAA

Enfim...ta assim nesse ciclo e eu to numa correria, gente os dias não passam voam, cara sei que não é só assim pra mim, pra muita gente tb, mais ultimamente tá embaçado..kkk ...quero férias..kkk

Um bjaum a todos e fiquem com Deus

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

religião é igual cabresto, CADA UM TEM A QUE PRECISA!




Boa noite galera, to trabalhando em casa e aproveitei pra adiantar o post de hoje, inspiração pra escrever veio então bora lá.

Assisti esse vídeo Depoimento Rodolfo (ex vocalista raimudos), e me emocionei, eu não sou evangélica, mas não sou uma pessoa preconceituosa quando a isso, pelo contrario acredito que Deus é um só e que as religiões são apenas caminhos com os quais nos identificamos nos levando a uma só finalidade: nos tornar pessoas melhores aprendendo esse ensinamento: AMAR AO PRÓXIMO COMO A TI MESMO E A DEUS ACIMA DE TODAS AS COISAS.

Me identifiquei demais com esse depoimento, tudo que ele relatou é o que tem acontecido em minha vida, através de outra religião.

Ele fala sobre a importância da palavra de Deus, que quando somos tomados por essa palavra, nos encantamos e quanto mais a repetimos mais nos enchemos de paz e de amor.

Estou lendo um livro que se chama: horizonte da fala, e diz exatamente isso, a importância da palavra da fala e como Jesus e seus apóstolos usavam a palavra, para encher de amor o coração das pessoas que as ouviam, fala também que normalmente falamos coisas das quais nosso coração está cheio, e o Rodolfo em seu depoimento fala exatamente isso.

O fato de não querer viver ou fazer coisas as quais eu fazia antes e adorava e parecem que perderam a graça como beber, ou viver em balada (não critico quem faz) mais são coisas que já não me dão o prazer que me davam antes, pelo contrario é como se não combinasse mais, e nem é pelo falo do Dú ser um dependente químico é por mim, sei lá sinto diferente hoje posso dizer, ainda estou descobrindo uma nova maneira de viver e estou gostando...rs

E uma parte que gostei muito onde o Rodolfo diz o seguinte: Quer chegar em cima do monte, você terá que subir, quer permanecer em cima do monte? Você terá que renunciar

Isso se encaixa perfeitamente em 12 passos, em recuperação, em se tornar uma pessoa melhor, podemos usar essa frase da seguinte maneira: quer buscar a recuperação? levanta e anda, se meche nego.
Quer permanecer limpo, em paz? Terás que renunciar

Falando de uma maneira geral

Aceita, entrega, confia,  modifica a sua vida e continua levando essa mensagem as pessoas que precisam.

Antes de terem um PRÉ-CONCEITO, com alguma religião, grupo de apoio, etc procurem conhecer a mensagem que eles levam.

Deus fala uma única verdade a todos, e as religiões ou os grupos apenas traduzem e nós procuramos a forma que melhor compreendemos.

Portanto religião é igual cabresto, cada um tem a que precisa...e Deus não tem placa na fachada da sua casa.

Fiquem com Deus e bom dia

 

como Perdoar?



Bom dia Galera...

Final de semana em paz graças a Deus, vou falar sobre o perdão pq aconteceram coisas na sexta que depois de ir a palestra espiritual e passar pela assistência espiritual no domingo eu entendi o pq de certas coisas.

Recapitulando, sexta feira o Dú me ligou e começou a querer brigar, passou de estágio das lamentações para a manipulação e quis partir pras ofensas, resultado eu extremamente irritada, desliguei celular e telefone pra não ter que falar com ele e não brigar.

Eu vivi durante muito tempo esse tipo de situação e morando debaixo do mesmo teto ficava dificil de não ouvir eu era obrigada a não ser que eu chamasse a policia pra conseguir sair de casa, ou então saisse de casa de vez e não voltasse mais que foi o que resolvi fazer.

Eu já perdoei ele pelo passado, mas quando esse passado vem a tona os mesmos sentimentos de raiva nascem em mim novamente, essa raiva é uma armadura que eu aprendi a usar pra me defender e não ser permissiva, porém esse tipo de armadura não é a ideal pq me machuca e as pessoas que estão ao meu redor.
Quando estou com raiva me torno uma pessoa ignorante, e acaba sobrando pra quem não tem nada haver com a história.
Pois é mais então como eu faço pra me defender, eis a questão?
Pra quem ta de fora pode parecer simples mais pra mim quando chego no estágio raiva é pq ja tentei de tudo e não deu...rs..

Então domindo no aconselhamento espiritual, o senhor me perguntou a quanto tempo eu não chorava, eu respondi que havia chorado ali no inicio da palestra, mais não de tristeza e sim de emoção.
Ele me disse: você se emocionou pq vc gostaria de ser aquilo que vc ouviu, e pq vc não se permite ser você?
Eu respondi: Eu não sei, eu estou em uma fase que é como se eu praticasse o mesmo exercicio várias vezes, estou me esforçando, mais parece ser tão difícil tem horas.
Ele segurou na minha mão, olhou nos meus olhos e disse: perdoa minha filha, perdoa as ofensas das pessoas, perdoa a incompreensão, perdoa a ausência, apenas perdoa você verá como ficará mais leve esses exercicíos.

Agora voltando que somos responsáveis pelos nossos sentimentos e só podemos modificar a nós mesmos, não interessa o que o outro faça ou tente fazer comigo a raiva é minha e perdoar não é um favor que faço a ninguém e sim a mim mesma.

Quem sai ganhando com o perdão primeiramente sou EU.

Gente não é fácil, não mesmo, pq perdoar não é ser conivente com atos alheios.
Perdoar não é fingir que nada aconteceu
Perdoar não é aceitar tudo

Perdoar é não se magoar, não deixar o coração sangrar quando alguém lhe faz alguma injustiça.

Eu não sei perdoar, não assim de cara de imediato, peço muito a Deus que me ensine o verdadeiro Perdão que ele me ensine a me perdoar e ao meu próximo.

Eu seguro minha mão na sua uno meu coração ao seu para que juntos possamos fazer aquilo qu sozinho eu não consigo

Concedei-me senhor a serenidade necessária para aceitar o que eu não posso modificar, coragem para modificar o que posso e sabedoria para distinguir uma da outra.

Força, Fé e Alegria

Só Por Hoje

Fiquem com Deus


 

sábado, 24 de agosto de 2013

serenidade....e novidades..rs




Boa Noite Galera

Significado de Serenidade

s.f. Característica ou particularidade do que é sereno; que se apresenta de maneira serena; sem agitações e/ou perturbações.
(Etm. do latim: serenitas.atis)
 
 
kkkkk essa não sou eu...tenho tentado me esforçado muito mais né fácil não..kkk
 
Acho que poucas pessoas tenho como referência pra citar como exemplo: Dalai lama ..rs
 
Não vale ter como exemplo aquela pessoa que aceita e engole tudo sem dar um pio...e por dentro fica se remoendo até que um dia ela explode...isso não é ser sereno.....
 
Ontem aconteceu algo chato, que eu tive que segura minha onda desligar celular que era pra não da uma surtada.... o Dú tava triste por não estar morando com as crianças e começou a dar uma de rei bebe..do eu quero eu quero e eu quero... viu que não ia surtir , passou pra manipulação querendo fazer com que eu me sentisse culpada, isso tb ele viu que não vira mais então foi pra parte da provocação e querer ofender...ai  das duas uma..ou eu desligava o celular ou eu ia acabar quebrando o pau com ele perdendo a serenidade, a razão e ia dar merda...
 
 
Deu certo...acordei calma...ele ainda tava estressadinho de manhã quis me ligar enchendo minha paciência só respondi se for começar desligou denovo..parou..
 
Hoje ele veio em casa, fomos resolver algumas coisas como aniversário do nosso filho, na volta ele estava me contando que na sexta tinha tido um dia difícil, que onde ele trabalha os motoqueiros usam droga na hora do trabalho e que ele viu um dos caras muito mau, com uma água branca escorrendo pelo nariz e nem conseguia falar direito.
Ele falou que se sentiu muito mau vendo aquela cena, que ele parou pra pensar que há um tempo atrás quem vivia assim era ele.
Disse que teve vontade de falar alguma coisa pro cara, mais que aprendeu que quando se vai levar mensagem nunca é bom ir sozinho, pq se coloca em risco e acaba sendo mais fácil ele entrar na do cara do que o cara ouvir ele, que depois dessa cena ele chorou muito.
Ontem era sexta-feira e o pessoal tava combinando de sair de "role" pra tira um barato ou seja se drogar e que até então o pessoal não sabe que ele é um adicto, um deles o chamou e a resposta que ele deu foi:
"To sussegado, pra mim esse tipo de barato já não rola mais afinal tenho dois filhos e não quero deixar eles órfãos"
 
Fico feliz por ele em ver que apesar da teimosia ele ta lutando, pela primeira vez eu posso dizer que de verdade ele ta lutando.
 
O que não fez dele um santo..kkkkk...
 
E nós estamos assim vivendo de só por hoje, ontem a gente se estranhou, mas graças a Deus conseguimos não deixar a situação estourar...e hoje a gente passou um dia normal, meio de bico um com o outro....mais no final em paz GRAÇAS A DEUS.
 
E sou obrigada a concordar com um post de uma amiga que ela fala da família margarina....rs...não existe SIMPLES ASSIM....
 
Somos todos imperfeitos hoje eu busco me melhorar como pessoa...
 
É isso galera...tmj e pra quem ta no meio do mar da adicção...quero dizer que vc não está sozinho, eu acredito que é possível ser feliz independente da escolha dos nossos entes queridos, pode ser difícil principalmente pra pais e mães que na minha opinião deve ser uma dor sem tamanho....mais mesmo assim é possível ser feliz...
 
Deus é tão bom que nos deu duas famílias, aquela em que nascemos e aquela a qual escolhemos "nossos amigos"
 
Amigo TAMUJUNTO....busque ajuda vc não está sozinho
 

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Como?




Bom dia Galera

Como modificar a si mesma?
Como entregar nas mãos de um PS o que eu não posso modificar?

Como?

Acredito que quando começamos a ouvir sobre codependência, quando começamos a entender a dependência química essas dúvidas são as que mais martelam na nossa cabeça, e muitas vezes nos perdemos tentando acertar, cansamos e quando vemos não saímos do lugar.

Vamos por partes, primeiro como modificar a si mesma?

Se você quer mudar algo seja o que for, primeiro você precisa conhecer "o algo" analisar o que está correto o que está errado e em cima disso você começa trabalhar para melhorar o errado e aperfeiçoar o que está certo.

Mais como? Procure grupos de ajuda, terapeutas, pare de ser segurança ou salva vidas de seu ente querido e olhe pra si mesma, parece loucura, você parar e pensar, mais como vou deixar ele por conta propria se eu fizer isso ele se afunda.
Sim essa é a intenção deixar ele se afundar pra pedir ajuda, se não nunca ele vai estender a mão e enquanto ele perpetua o uso você se afunda junto, sofrendo consequências no lugar do outro e se alguém não cortar esse ciclo vai acabar os dois juntos de mãos dadas na lama.

E não adianta não tem outro caminho, mesmo pq só podemos modificar a nós ao outro entregar nas mãos do PS e amar, ai vem essa segunda questão:

Como entregar nas mãos de um PS o que eu não posso modificar?

Quando começamos a olhar pra nós mesmos, começamos a ver como somos limitados e quanta insanidade fazemos tentando mudar outra pessoa, percebemos como é dificil se modificar então pedimos ajuda a um PS e trabalhando com esforço e dedicação vemos os resultados que começamos a alcançar e quando conseguimos pequenas mudanças percebemos os bons resultados que colhemos com elas, então criamos força pra ir mais além, afinal de contas ninguém gosta de viver sofrendo.
E quando vivenciamos isso começamos a ter mais confiança no PS e passamos a entregar (a vida dos outros) aos seus cuidados, vamos nos livrando da culpa e entendendo que tudo que acontece nada mais é do que resultado das nossas escolhas, e entendemos que cada um é responsável pelo seu proprio caminho, pq se eu faço pelo outro o que ele mesmo deve fazer, eu abandono o que é de minha responsabilidade não resolvo nada e só pioro a situação.

Na convivência com um dependente quimico, nossos limites são testados o tempo todo, nosso emocional é colocado  em um carrinho de montanha russa, e pra segurar a onda?

Só estando muito fortalecido e a maior ferramenta que temos pra isso é o conhecimento, tanto da doença dependencia quimica quanto a codependência e o conhecimento de nós mesmos

TTa esperando o que pra correr atrás de ajuda?

Quando mais fundo o buraco mais sofrida a volta...corre

Bom findi e fiquem com Deus


quinta-feira, 22 de agosto de 2013

revisando



Bom dia Galera

Acho que minha vida está voltando ao normal, ando vivendo outras coisas, normais de pessoas "normais"...rs...o assunto dependência quimica e codependência tem perdido espaço, na verdade acredito que esteja sendo equilibrado, por que além de falar sobre eles, eu ainda tenho uma rotina puxada no dia a dia...

Mas não irei deixar de falar porque faz parte da minha recuperação, afinal não existe cura né...heheheh

Então hoje vou falar sobre limites, os que eu havia colocado pra mim a pouco tempo atrás.
Quem acompanha o blog, acho que lembra que a minha "condição" para me reaproximar do Dú era que ele frequentasse os grupos de apoio ao menos uma vez por semana.
Eu havia imposto esse limite pq lidar com a personalidade dele era muito dificil pra mim, e ele indo ao grupo era uma garantia de que ele estaria ouvindo falar sobre recuperação, o tempo foi passando e esse limite começou a me incomodar.
Comecei a ficar de saco cheio de ter que falar..o grupoo..vai pro grupooo....não por ele, mais por mim.
Já tinha virado um saco isso na minha vida, ter que me preocupar se ele foi ao grupo ou não.

Nesse tempo vi que fui criando habilidades em lidar com algumas situações e ME PRESERVAR, quando necessário.
Então decidi rever esse limite e me questionar: isso ta me ajudando ou me atrapalhando?

Tava me atrapalhando, pq eu gastava uma energia enorme nisso e deixava de fazer coisas pra mim, então cortei esse limite.
Não disse nada a ele, afinal o limite é meu e não dele, simplesmente parei de ficar cobrando.

Ele já ouviu bastante sobre recuperação, não que esteja colocando em prática, mais na teoria já sabe e se recair, a meu bem ele sabe q eu pulo fora rapidinho, então é com ele.

Eu apenas venho procurando aconselhar, dar umas marretadas nas horas oportunas.

Mas minhas prioridades hoje são outras começando pelo meu autoconhecimento, minah recuperação e afins...

Isso me deixa livre e leve, pq não tenho a obrigação de carregar uma vida que não é minha.

Vocês podem questionar, mais e se ele recair, vc não tem medo?

Não não tenho medo de recaída, se cair levanta, se perder corre atrás.

Ninguém parte desse mundo antes da sua hora.

Ficaria triste? Sim ficaria mais só, parar minha vida pra tentar salva-lo NÃO MAIS

Afinal descobri que sou apenas um ser humano e não Deus, tenho minhas limitações e muita coisa a melhorar, ajudar eu ajudo agora carregar no colo um homem barbado..nananinanão..kkk


Boa semana e fiquem com Deus

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

aniversário Dú






Bom dia Galera

Hoje é aniversário do Dú 37 anos...ta ficando véio...rs..

Lembro o primeiro aniversário dele que passamos juntos, ele tinha 29 e completava 30, estava depressivo...kkkk...pq estava fazendo 30....eu estudava, era um dia da semana, ele foi me buscar na saída e saímos pra comer depois esticamos a noite, naquela época eu ainda não sabia de sua doença, os outros aniversários nunca mais comemoramos, olhando agora parece que não teve nenhum a vida era uma loucura, uma confusão sem tempo pra construir, ou planejar algo, viviamos apenas nos debatendo pra não nos afogar.

Graças a Deus essa fase passou, e hoje gostaria de deixar essa mensagem pra ele:



Pois é nego,  hoje é seu dia, seu aniversário, e acredito que o primeiro aniversário  que posso olhar pra você e ver realmente a pessoa que é.
Quero lhe desejar o melhor nesse dia, não o melhor que o mundo material pode lhe oferecer, mais o melhor que você pode fazer a você mesmo.
Que você continue escolhendo um caminho que te leve a paz interior
Que você valorize cada momento de sobriedade e serenidade que a vida pode lhe oferecer
Que você sonhe, realize e saiba aceitar as situações que a vida lhe apresentar.
Que você acredite
Que você se supere
Que sua fé e sua esperança se renove diariamente, só por hoje e como você mesmo diz se não der só por hoje que seja só por agora.
Te amo muito e  tudo o que lhe desejo é que sejas feliz.

PARABÉNS!!!



segunda-feira, 19 de agosto de 2013

da pra separar o que é defeito carater da doença da Adicção?




Boa Noite....

Trabalhando em casa, resolvi escrever o post de amanhã, alias já é hoje passou da meia noite...rs...cedinho levarei minha pequena ao médico...apenas rotina...

Comecei o post com essa questão:

Da pra separar o que é defeito de caráter da doença da Adicção?

Na minha opinião NÃO.

Explico, já ouvi terapeutas, donos de clinicas, em grupos, de adictos em recuperação, em NA, em Naranon, em Amor Exigente, de psicólogo, etc etc, que a dependência química é uma doença física, espiritual e emocional, ou a doença do comportamento.

O adicto assim como qualquer pessoa tem seus defeitos e qualidades, quando eles usam drogas não tem um botãozinho que  desliga qualidades e liga os defeitos, assim como quando eles estão em recuperação não viram santos, continuam errando e acertando, como eu e como vc

O Adicto foi uma pessoa antes de iniciar o uso de drogas, se tornou outra durante o período de ativa e em recuperação se formara uma outra personalidade, não será nunca como era antes e nem durante o uso, será uma pessoa reaprendendo a viver e conviver primeiro consigo mesmo e depois com seu próximo.

Defeitos de caráter todos temos, uns mais outros menos, a diferença é que na adicção ativa, os valores vão se perdendo aos poucos restando apenas o instinto, se perde a razão e se age apenas pelo instinto de perpetuar o uso de drogas isso na doença em seu último estágio

E quanto mais tempo se passa, mais os valores vão sendo esquecidos, chegando ao ponto de falta de respeito e amor consigo próprio, se submetendo a situações terríveis para continuar a satisfazer a vontade de usar drogas, por isso é a doença do SE, se não fez vai fazer....não tem pra onde escapar o final é certo caso a doença não seja controlada: caixão, cadeia e clinica.

Ele pode ser bonzinho, pode ser nervoso, pode ser violento, pode ser passivo, pode ser bom filho, bom pai, bom marido, bom profissional.

Se não parar vai perder a vida mais antes de perder a vida, perde a noção do que é a vida, do que é respeito a si próprio e ao seu próximo.

Ao famíliar cabe estabelecer limites baseados no respeito e amor ao próximo e não se esqueçam A SI MESMO TAMBÉM, pois só assim somos capazes de ajudar

Por isso não se iludam e não comparem o dependente químico da convivência de vcs com outros " meu marido jamais seria violento", "meu filho jamais roubaria", " isso já é do caráter da pessoa, se não presta não presta sem droga, não é a droga que vai modifica-lo"

NÃO SE ESQUEÇAM A ADICÇÃO É A DOENÇA DO SE, SE NÃO FEZ VAI FAZER, NÃO PARA DE USAR PRA VER

Uma coisa que venho aprendendo, quanto mais olho pra dentro de mim, menos tenho a necessidade de viver no autoengano, olho a vida as pessoas e as aceito como elas são de verdade sem maquiagem....

boa noite

 

não Julgar!!




Significado de Julgar:
Sentenciar.
Resolver como juiz ou como árbitro.
Avaliar.
Conjecturar; entender: julgo que tens razão.
V. i. Formar conceito sobre alguma coisa.
Lavrar ou pronunciar sentença.

Percebem exatamente o que significa JULGAR?

Juizes julgam, essa é sua profissão, eles dão uma sentença baseados em fatos e provas.

E nós somos juizes?

Não

Porém não julgar ao próximo, não significa ter que permitir que ele pratique injustiças contigo ou com os seus, um exemplo que aconteceu nesse final de semana comigo.

Fui pra praia com o Dú e as crianças, mesmo com frio, o intuito era mais pra ficarmos juntos do que pra pegar sol, então vlw...rs..


Foi tranquilo, os dois dias foram uma espécie de "remember" de quando estávamos morando juntos, sim deu saudade das coisas boas, dormir agarradinho, acordar e tomar café da manhã juntos, ir ao mercado, cuidar das crianças, essa rotina de um casal.
Mas também me fez ter a certeza de que me separar foi a melhor coisa que fiz a mim e a meus filhos, porque infelizmente conviver com o Dú debaixo do mesmo teto ainda significa ter que me submeter ao egocentrismo dele se eu não quiser viver em pé de guerra.
No domingo a tardezinha, minha pequena teve febre, eu disse a ele que se a febre continuasse iria leva-la ao hospital.
O Dú com sua forma egoista de enxergar a vida, ao invés de se preocupar com a filha, ficou preocupado que se levassemos a menina no médico, meus pais iam encher o saco achando que o Dú era um irresponsável.

Gente eu não estou julgando ele, estou relatando um fato, ele agiu com egoísmo pensando só nele, sem se preocupar com a saúde da propria filha, isso não faz dele um monstro, mas também não quer dizer que eu deva permitir.

Eu ainda não tenho habilidade em lidar com essas atitudes dele, então eu disse umas melekas do tipo: "vc se preocupa com vc mais com a sua filha não" ele já começou a se defender e querendo me acusar, então sai de perto fui dar uma volta, contar até 10 pq meu não dá.

Então voltei e ele veio me abraçar, eu lhe disse: por isso que sempre brigavamos, qualquer assunto vc leva como ofensa e passa a se defender ou a acusar.

Ele começou a se defender de novo, eu olhei e disse esquece.

Esse blablabla dele, durou umas 2:00 horas, pense em um ser humano confuso....rs

Engraçado, tem horas que ele fala das internações dele com uma raiva, que aquilo não recupera ninguém, e tem horas como ontem ele diz que se os monitores não forem  firmes e duros o pessoal monta em cima...kkk

Graças a Deus eu tenho conseguido manter meus pés no chão e não caio mais em manipulação, o que eu preciso hoje é de paciência, muita paciência...rs

E pra que eu consiga ter esse discernimento eu preciso saber analisar os fatos e enxergar a realidade, precito tirar uma conclusão.

E infelizmente o que vejo ainda é um homem egoísta...não estou julgando, apenas tirando uma conclusão analisando os fatos.

Se um dia a gente resolver voltar a morar junto, as coisas precisarão estar muito diferentes, não quero um homem perfeito, não longe disso, quero apenas alguém que saiba respeitar o seu próximo e que não se comporte feito uma criança birrenta e mimada....afinal eu não tenho como colocar ele no cantinho do pensamento né...kkkk..já passou da hora dele crescer como pessoa.

Enquanto isso sigo em busca do meu autoconhecimento, tentando melhorar como pessoa, amando o próximo e amando a mim mesma, sabendo que tenho limitações e que não posso e nem devo tentar modificar a ninguém

Dica: Quer saber se está agindo correto? Olhe pra dentro de si mesmo e analise se está conseguindo manter a serenidade.


Bjuuuuuuuuuuuuuu e fiquem com Deus


sexta-feira, 16 de agosto de 2013

acordaaaaaaaaaaaa



Bom dia galera

Caraca o friu me deixa de mau humor...rs...fico o dia todo me encolhendo isso me irrita...e colabora pro nivel amorosidade baixar..kkkk


E mais uma vez desci a marreta...e dessa vez foi A MARRETA...se num abriu a mente...sem chance...vai ser só dando com a "muringa" no chão...affff

Bom o Dú tem enrolado pra ir nos grupos...fala q vai, fala que precisa, fala...fala e fala..kkkk

Eu to só observando deixando por livre e espontânea vontade...e to vendo nego ir descendo e escendo e descendo ladeira a baixo...então ontem acho que o PS resolveu pedir pra eu dar uma buzinada pra ver se ele acorda....vamos aos causos..rs..

Ele me liga com os lenga de sempre, q ta cansado q a vida é injusta..e  blablabla...eu respondo com os mesmo lenga...vai pro grupo...que comece por mim...o mundo a nossa volta é o que reflete de dentro da gente...

E ele volta nos lenga que sala pra ele não faz falta, que a igreja que Deus falou com ele...e blablabla...ai a última foi...Deus falou comigo nesse final de semana, disse que a vida ao nosso redor é resultado do que trazemos no coração...

Eu ta vendo eu falo, Deus fala...a pqp fala e vc insiste que o problema ta nos outros...ai ele começou a da uma de maluco...conversa de doido sem sentido que um dia ele vai voltar a ser feliz como ele já foi um dia...ai nivel amorosidade ficou off nessa hora...antes dele continuar interrompi...agora você vai me ouvir...

Quando te conheci e descobri q vc era DQ, lhe disse, busca ajuda, vai pro grupo e vc respondia iss não serve pra mim só a igreja, se passaram 6 anos e vc perdeu tudo e foi parar aonde?
Na clinica com psicologo q trabalhando os 12 passos....
Ai vc saiu da clinica, estava caminhando a pequenos passos na sua recuperação, indo ao grupo,  e vc me dizia: que bom que fui ao grupo hoje.

AOs poucos vc foi retomando sua vida e estava feliz, então decidiu parar com tudo e voltar a fazer do seu jeito, o que vejo agora uma pessoa infeliz que vive cansada e reclamando da vida, pq?

Pq abandonou a sua recuperação
Pq? Por orgulho, teimosia e reservas

Você está a passos curtos indo em direção ao abismo, então como há 6 anos atrás eu olho e falo, busca ajuda, vai pro grupo, psicologo, faz alguma coisa e vc responde a mesma coisa de 6 anos at´ras, vc diz que vai pra igreja e vai fazer do seu jeito.

Resultado, vc vai recair e vai perder tudo que conquistou de volta, inclusive eu.

Será que vc não enxerga que você está se autoenganando?
Se vc não enxerga eu to aki pra te dizer, quem vc acha que engana com esse seu discurso de que quer me fazer feliz?

A mim vc não engana, adictos são previsíveis e vc é um adicto, a unica pessoa que vc está enganando é a si mesmo e o maior prejudicado será vc mesmo

Acorda caralhooooo...sabe o que salvou sua vida NA 12 passos abaixo de Deus... o que salvou sua vida foi vc ir pra clinica e aprender o que os 12 passos e as tematicas do NA ensinam....agora vc vem me dizer que sala pra vc não faz falta

Ta curado por acaso....?

Eu não preciso dizer nada, olha pra vc hoje e olha pra vc a um mes atrás quando ainda vc buscava a recuperação, vc estava feliz, e vc tinha menos coisas que tem hoje.

Hoje nós voltamos a ficar juntos, vc está reconstruindi sua vida e ta ai triste infeliz...

Vai esperar cai de cara no chão, perder tudo denovo pra ir sentar a bunda numa cadeira de um grupo dentro de uma clinica e fala é eu recaí...

Acorda....

Ele ia falar...eu interrompia...

Não quero ouvir nada...e da minha boca vc só vai ouvir uma coisa...

VAI PRO GRUPO PORRA

Fiquem com Deus e desculpa o desabafo ;)

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

está Curado?



Buenas galera, de volta a rotina...rs

Essa questão causa muita polêmica quando se trata de dependencia quimica, então bora polemizar...rs...

Quem conhece sobre a doença dependencia quimica sabe que existe recuperação mais não a cura, entendam bem: comparamos a dependencia quimica com a diabetes, o dependente quimico não pode ingerir nenhuma substância que altere seu humor artificialmente e o diabético não pode ingerir algumas substâncias que possam alterar sua glicemia uma delas é o açucar.

Pois bem se dizem que existe controle mais não a cura entendo que, caso o dependente quimico não ingira mais drogas (alcool tb é droga) ele controla sua doença e o diabético não saia comendo tudo quanto alimento que pode alterar sua glicemia ele tb consegue controlar sua doença.

Agora em ambos os casos, eles decidam continuar usando drogas e comendo os alimentos que os prejudicam, sua doença ira se desestabilizar podendo leva-los a óbito.

POR ISSO NÃO EXISTE CURA.

Vai tu adicto que está limpo, achar que está curado e por isso pode usar moderadamente, cara vc ta ferrado...rs..

Cuidado quando ouvirem depoimentos de adictos em recuperação que afirmam estar LIBERTOS OU CURADOS..por Jesus, Ala, Deus, Jeova, etc, etc.

Não, eles não estão curados, estão em RECUPERAÇÃO.

Que significa: em determinado ponto de sua vida na ativa da doença, ele chegou no limite do seu sofrimento (fundo do poço) então nessa etapa, ele  se entregou a um PODER SUPERIOR (chamem como vcs o concebam).
Quando ele entregou sua vida a um Poder Superior, significa que ele admitiu que não estava mais dando conta sozinho por isso se rendeu, depois entregou e confiou sua vida a esse Poder Superior.
Desde então ele descobriu que se quisesse viver de forma diferente precisava se tornar uma outra pessoa, não conviver mais com amigos que estivessem na ativa, andar com outras pessoas que vivessem uma vida saudável e assim eles foram se modificando, se transformando em uma pessoa melhor.
Com o passar do tempo se eles continuam nesta busca, aceitando que sozinhos não conseguem, entregando suas vidas e confiando que um PS pode ajuda-los, eles continuam a se  modificar pra melhor, se tornam pessoas melhores, passam a reparar erros do passado, a pedir perdão a quem eles magoaram (quando possível)  se sentem tão bem e felizes em viver assim que começam a levar essa mensagem de esperança a outros que assim como eles um dia estiveram mergulhados em uma vida de sofrimento na ativa de sua doença a dependencia quimica.

RESUMINDO 12 PASSOS DO NA

Então gente....Jesus, Ala, Deus, Buda, etc, etc NÃO CURAM OU LIBERTAM, "ELES" lhes dão a oportunidade de RECOMEÇAR....

Catapora, Sarampo, Caxumba, etc essas doenças tem cura, uma vez curadas vc não pega de novo...rs

NÃO FAZ A SUA PARTE PRA VER SÓ...

Fiquem com Deus e ótima quinta a todos

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Atualizando





Buenas Galera

Estive fora esses dias, em curso pela empresa não deu tempo de postar nada, mais vamos aos fatos...rs...se bem que sei la nada muito novo o adicto é tão previsivel, que já estou em acostumando com a "cartilha" o duro é que se não mudar o B. A. BA, sei não aonde isso vai dar, alias desconfio, mas como aprendi a não antecipar o futuro, viver o só por hoje e focar em mim realmente isso não tem me afetado, graças a Deus.

Sábado:

Como eu já tava de saco cheio dos chororo dele, resolvi tirar uma folga..kkkk, ele veio buscar nosso filho mais velho e passou o dia com ele, depois trouxe ele devolta e eu fui na casa de uma amiga que já não via  algum tempo, foi bom um dia sem chororo cuidando dos meus afazeres e mudando um pouco de foco...rs

Domingo:

Dia dos pais, haviamos combinado de ir no parque ecológico do tiete passear com as crianças e de fato fomos, ele chegou aqui em casa todo amoroso, mais alguns minutos começou ele com a sindrome de perseguição (acha que as pessoas ficam de cara feia pra ele e estressa), tivemos um desentendimento indo ao parque porque ele foiu embora da minha casa sem dizer tchau pra ninguém, tremenda falta de educação na minha opinião, então fiquei meu "P" da vida com ele, lhe disse umas verdades e falei que se assim continuasse seria dificil de recebe-lo na casa dos meus pais, pois pra mim independente de qualquer coisa, o MINIMO que devemos fazer quando vamos a casa de alguém é dizer OI e TCHAU...nem que for pra todos uma unica vez......blza depois de umas chorumelas dele que a vida é muito dura...ele entendeu o recado e disse que não faltaria mais com educação.

Segunda e terça.

Não nos vimos, falamos por telefone, terça em especial ele tava um chato, pq ele não quer ir na formatura da irmã dele e eu vou ir, e ele diz que vai acabar indo obrigado só pq eu vou, enfim problema dele, sei que eu vou se ele quiser ir ele que de os pulo dele...afinal pra se virar quando queria porcaria ele dava um jeito né...então de seus pulos pra comprar ou alugar o terno.

Não olhem o cumulo do absurdo...kkk ele mora com a mãe dele, e queria que EU ligasse pra mãe dele e pedisse a ela em nome dele, pra que ela emprestasse o cartão de crédito a ele pra que ele pudesse comprar o terno, minha resposta: tu ta zuando com a minha cara né....? se vira meu

Caraca ele mora com a mãe dele e queria que eu pedisse o negócio emprestado pra ela em nome DELE...sem comentários é cada uma...kkkkk

Enfim ele pediu e ela vai emprestar..kkkkk

Ele tem reclamado que ta cansado, cansado do desprezo dos familiares, das indiretas do patrão, e blablabla.

Detalhe na empresa aonde ele está trabalhando, os motoqueiro são tudo adicto na ativa, usam na hora do trabalho.

Já aconselhei ele a mudar de emprego, maaaaaaaasss..ainda não se posicionou....

Mente fechada é pouco pra descreve-lo....orgulhoso, teimoso, prepotente, arrogante....enfim, tenho tendado aconselhar quando aparece uma brecha, ele ouve mais da uma de doido ...ou ouve mais não escuta...diz que o grupo pra ele não faz diferença..então respondo...a escolha é tua, continue fazendo igual e terá os mesmos resultados.

Acredito que ele ainda esteja limpo, mais tb se tiver recaído e estiver mentindo, está enganando a ele mesmo, pq cedo ou tarde e se tiver mesmo recaido, vai chegar uma hora que não vai controlar e virá a tona....mais acredito que ele esteja limpo sim....
Tenho um exame aqui pra poder comprovar, mais na boa, sinceramente...quero que se lasque...se ele recair ele já sabe que comigo não tem conversa....

Então ou ele começa a mudar a atitude dele e passa a ter mais humildade...ou então recaida a vista..

Fazer o que ou aprende no AMOR OU NA DOR..infelizmente as pessoas só vão na DOR a maioria.

Eu graças a Deus já sofri o bastante pra mim já deu, então quero aprender no AMOR....rs...

Madrinha de passo depois que tu voltar de viagem me manda o segundo passo PLEASE....rs

Eu to bem graças a Deus, bem focada em mim, nos meus filhos, nas minhas coisas e com os pés bem firmes no chão...

E conseguindo manter minha serenidade

SÓ POR HOJE

Fiquem com Deus e boa quarta pra vcs

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

boa noite galera...

Dia corrido, to fazendo curso fora da empresa,  até quarta, passando pra dizer que ta tudo bem

Final de semana teve de tudo um pouco to no corre aqui com as crianças...depois posto com mais calma

Queria deseja um feliz dia dos pais a todos...um enorme bju


fuiiii

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

EU E A DEPENÊNCIA QUIMICA

ASSISTAM, ESSE PAI SIMPLESMENTE ENSINA O QUE´É A DEPENDENCIA QUIMICA

http://youtu.be/OZ8-l7UVJYM

BOM FINDI  

recaída de Codependente




Bom dia Galera

Recaída de dependente quimico é uso de drogas e a nossa recaída o que seria?

Hoje entendo que a recaída de um codependente, vai além de estar junto ou não de um dependente quimico, a nossa recaída consiste em reagirmos emocionalmente a eles, ou seja: Deixamos de ter vontades, prioridades, iniciativa em prol de nós mesmos, tudo porque passamos grande parte do nosso tempo nos preocupando com as consequências que o dependente quimico de nossa convivência poderá sofrer.

Passamos a noite acordada, nos privamos do nosso sono, porque nos preocupamos se algo de ruim aconteceu com ele.
Deixamos de nos divertirs, seja indo a festas, passear em um parque, viajar, tudo porque ficamos  sempre esperando eles voltarem ou quando voltam eles dormem para recuperar a ressaca e nós fazemos o papel de cão de guarda, por que vai que ele acorda e resolve ir usar drogas, ou pega alguma coisa em casa pra vender, então nos trancamos pra tentar evitar atos insanos de uma pessoa doente.

Muitas vezes quando nos separamos mais não nos desligamos emocionalmente, continuamos ainda a reagir as atitudes deles, quando eles nos procuram para fazer promessas ou cobranças sentimos raiva e passamos a viver reagindo com essa raiva  pra tentar convece-lo de que ele está errado e não tem o direito de nos prejudicar.

Lembrando desse lema: Só posso modificar a mim mesma, veja quanta insanidade citada ai em cima.

Nem no amor e nem na raiva, eu posso modifica-lo, ele irá continuar a agir como julga correto, eu sendo uma babá dele ou eu sendo uma carrasca.

Enquanto eu reajo as suas atitudes, minha vida, meus sonhos, minhas vontades ficam aonde?

Elas não existem, pois sabemos que um dependente quimico na ativa ou limpo é uma montanha russa de emoções, e se deixarmos somos sugados por eles.
Eles tem uma enorme necessidade de ter alguém que o ajude a perpetuar esse ciclo, seja facilitando ou seja provocando.

Durante os 6 anos de convivência diaria eu fiz os dois papéis, facilitei e provoquei sua adicção, dei "justificativas" pra que ele se autoenganasse e usasse drogas.

Por isso é importante o familiar se tratar, porque aprendemos como lidar com eles de maneira equilibrada reagindo menos aos impulsos deles.

E quando conseguimos mostrar esse equilibrio a eles, as "justificativas" desaparecem, fica mais fácil deles enxergarem a doença como ela é.

Palavras de um adicto em recuperação que trabalha na UNIAD: Quando a familia muda a forma de se comportar, ou o adicto muda ou ele se muda, pq ele não aguenta viver sem facilitadores.
Ou seja ou ele vai buscar outro facilitador seja na raiva ou no amor, ou vai enxergar a meleca que anda fazendo com a propria vida e ver que o unico responsável é ele proprio e assim acontece o tal despertar espiritual

É fácil? Não
Da medo? Dá

Somos humanos e nossas emoções, raiva, tristeza, pena e amor reagem a qualquer pessoa, principalmente se está pessoa é um ente querido.

Por isso galera que comece por mim

Uma reflexão pra vocês do livro Sinal Verde:

Estude a si mesmo observando que o autoconhecimento traz humildade e sem humildade é impossivel ser feliz.

Bom final de semana, fiquem com Deus

 

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

seja o melhor: ERRADO, de o seu MELHOR ai simmmm



SOMOS IGUAIS, NÃO QUEIRA SER O MELHOR, DÊ APENAS O SEU MELHOR E SEJA FELIZ


Bom dia Galera

Gente como o mundo anda sem educação, hoje vindo trabalhar as 6:00hs da manhã um rapaz, com o som do carro no último dos últimos , que os carros ao seu redor tremiam, eu pensava: gente esse ser não tem vergonha em incomodar as outras pessoas?
Cara eu amo musica, gosto de som alto mais né, vamos ter bom senso, ele não estava indo pra uma balada nem nada, acredito eu que estava indo trabalhar...

As pessoas não percebem que nosso direito termina quando começa o dos outros.
Outro exemplo nada contra o funk eu até que gosto de algumas musicas, mais gente ouvir no metrô no celular no viva voz, né poxa coloca um fone de ouvido.

Estava conversando com minha amiga, pq as coisas estão assim, eu não sou tão velha...e no meu tempo (frase de véia..kkk) o negócio era diferente, sei lá pelo menos acho eu.

Falamos, será que é pq hoje os pais trabalham fora e os filhos ficam o dia todo na escola?

Eu acho que não, na verdade acho que o mundo é muito materialista, onde as pessoas crescem ouvindo: pra vc ser um vencedor você presisa ter O CARRO, A CASA, A FAMÍLIA MARGARINA, VIAJAR PRO EXTERIOR, FALAR VÁRIAS LINGUAS, TER FACULDADE, TER MESTRADO.

Sei lá eu discordo um pouco disso tudo, não que essas coisas não sejam importantes, sim são, mais não não só isso.

Não se ve mais pais ensinarem aos seus filhos que eles precisam ser primeiramente, pessoas honestas, educadas e caridosas e sim buscar se aperfeiçoar conforme suas escolhas, se tornar bom no que faz, não precisa ser O MELHOR, seja apenas competente, e faça com boa vontade e esforço,  DE APENAS O SEU MELHOR

Afirmar isso a um filho é empurrar ele pro abismo, pq não existe O MELHOR...somos iguais e cada um mostra mais habilidade em um campo do que outro, e quando isso ocorre a obrigação de ambos é aprender um com o melhor de que o outro tem a oferecer.

Não concordo quando dizem, você precisa ter um diploma universitário.

Já pensaram o que seriam por exemplo dos auxiliares de enfermagem se todos resolvessem se formar enfermeiros ou médicos?

Seja apenas você, SEJA FELIZ E FAÇA AS PESSOAS FELIZES.

Distribua sorriso, abraço, carinho, amizade.

E se alguém lhe dizer que você tem que ser O MELHOR.

Responda a ele e você precisa aprender sobre HUMILDADE

Boa quinta feira a vocês e fiquem com Deus

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

pra que reinventar a RODA?





Você quer ajudar nesse universo dependencia quimica?
Você tem buscado aprendizado sobre o assunto?
Já ouviu falar de 12 passos de NA - NARANON - ALANON?
Já ouviu falar de 12 princípios do AMOR EXIGENTE?

Então deixa o orgulho de lado e pare de tentar inventar o SEU JEITO, pra que tanto orgulho?
Quer ser reconhecido como o "salvador dos sofredores"?

O caminho já nos foi mostrado, acredito se nos empenharmos mais em realizar o 12º passo em todos os aspectos de nossas vidas, com certeza ajudaremos muito mais e teremos muito mais resultados positivos.

JUNTOS GALERA, ASSIM SOMOS MAIS FORTES

confiança

 

 

Significado

Confiança é o ato de confiar na analise se um fato é ou não verdadeiro, devido a experiências anteriores, entregando essa análise à fonte de estatísticas e opiniões de onde provém a informação e simplesmente considerando-a checando-a com outras informações a chamada cruzamento de informações. Se refere a dar crédito, considerar que uma expectativa sobre algo ou alguém será concretizada no futuro

Bom diaaaa

Hoje vim pensando em falar sobre a confiança, e agora lendo o seu significado cai na gargalhada, vou explicar.

Ontem conversando com o Dú pelo telefone, ele se queixa de que apesar de estarmos nos reaproximando, eu vivo muito na defensiva, muito afastada dele, e esse meu jeito o faz se sentir rejeitado, e ele não sabe lidar com esse sentimento de rejeição, pq é um trauma que ele carrega desde a infância e de seu antigo relacionamento.

Ok gente, ele ta na autopiedade, mais não está mentindo, sim ele tem um enorme problema de aceitação, é extremamente inseguro, e mostra uma imensa necessidade de ser aceito para se sentir bem, todos nós gostamos de nos sentir aceito, mas nem todos nos aceitam não é mesmo?
E também antes de cobrarmos isso de outra pessoa precisamos nos aceitar primeiro, pois bem respondi a ele.

Olha te entendo, sei que você tem essa dificuldade e que devido a sua adicção essa dificuldade toma proporções ainda maiores, mais digo e repito não sou sua tábua de salvação.
Até fiz esse papel por 6 anos e acabamos afundando junto porque eu sempre fui responsabilizada, pelas suas felicidades e seus fracassos e hoje sabemos que na ativa da adicção só existem perdas, e nesses 6 anos eu sofri essas perdas e quando não, fui responsabilizada por seus fracassos, muita coisa foi jogada nas minhas mãos, eu me achando a mulher maravilha segurei e me machuquei demais, Dú eu sofri demais, muito, uma dor sem tamanho.

Não te culpo porque eu segurei as suas perdas pq eu quiz, porém sim a responsabilidade foi sua. 
Eu acredito quando você diz que quer ser feliz ao meu lado, mais confiar, não eu não confio nem um pouco e tenho motivos pra isso de sobra.

Dú: É assim fica dificil realmente, se você não confia, não vai dar certo, pq eu tenho certas necessidades de homem, porque eu gosto de ter alguém ao meu lado que sinta prazer em estar comigo e você conduzindo as coisas dessa forma realmente não vai dar certo

Eu: Olha eu sei que realmente hoje sou muito diferente do que um dia já fui com você, mas eu tenho buscado ferramentas pra conseguir superar esses traumas, causado por atitudes suas, certo, e você o que tem feito pra superar os seus traumas? Você continua querendo achar algo ou alguém que tape esse buraco que você mesmo deve tapar? Primeiro que eu não fui a responsável por nenhum desses traumas, pelo contrário eu fui traumatizada por eles, por você por essa sua insegurança, e hoje Dú me desculpa eu te amo, mas antes de te amar eu me amo e se precisar escolher entre a sua recuperação ou a minha, continuo escolhendo pela minha
Você não é obrigado a aceitar nada, pode muito bem voltar a fazer como fazia antes de ficarmos juntos, quando você trocava de mulher igual trocava de roupa tudo para não ser rejeitado e não sofrer por isso ou arrumar outra codependente pra ser sua tábua de salvação ou então o mais apropriado, buscar ferramentas pra superar essa dificuldade e assim se sentir livre para ser feliz sem a necessidade de aprovação de ninguém.
É com você, eu escolhi meu caminho que é me recuperar, me modificar, me tornar uma pessoa melhor, e você é livre pra escolher o seu.

Ele ficou quieto por alguns segundos, e o orgulho dele o fez continuar na defensiva se justificando, mais antes de desligar ele me perguntou se eu estava com as perguntas do primeiro passo e que quando fosse em casa ia ver na internet aonde tem temáticas do NA, que ele não gosta das partilhas, mais que as temáticas ele adora.

Agora voltando ai significado de CONFIANÇA

Analisando um fato "Relacionamento com o Dú" devido ao nosso histórico anterior as estátisticas mostram que "só deu merda" sofrimento pra todo lado, cruzando com as informações que tenho agora onde apesar de limpo neguinho ainda tem um longo caminho a percorrer e eu também é claro, da pra ter confiança e ter uma expectativa a respeito?

KKKKKKK NÃO NEM FERRANDO..KKKKK

Fiquem com Deus e boa quarta-feira

terça-feira, 6 de agosto de 2013

A MARRETA




Galera leiam isso

Humildade vem do latim humus que significa "filhos da terra". Refere-se à qualidade daqueles que não tentam se projetar sobre as outras pessoas, nem mostrar ser superior a elas. A Humildade é considerada pela maioria das pessoas como a virtude que dá o sentimento exato do nosso bom senso ao nos avaliarmos em relação às outras pessoas. Características como cordialidade, respeito, simplicidade e honestidade, embora sejam frequentemente associadas à humildade, são independentes. Portanto, quem as possui não precisa necessariamente ser humilde.
Muito confundida com Modéstia, pode ser exatamente o contrário, o modesto tem falta de ambição, a humildade pode estar no ato de reconhecer que em determinado momento estamos sendo ambiciosos ao invés de gananciosos.
Diz-se que a humildade é uma virtude de quem é humilde; quem se vangloria mostra simplesmente que humildade lhe falta. É nessa posição que talvez se situe a humilde confissão de Albert Einstein quando reconhece que “por detrás da matéria há algo de inexplicável”.
Um das caraterísticas de Jesus Cristo foi a humildade, pois a Bíblia diz que Ele "sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus, mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens; e, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz" (Carta de Paulo aos Filipenses 2:6-8, ARC).
O oposto à humildade é o orgulho, a presunção, a vanglória; trata-se do vício fundamental, o mal supremo (C. S. Lewis, Cristianismo Puro e Simples) que atingiu tanto o coração do anjo Lucifer (veja a descrição da queda deste querubim no livro do profeta Ezequiel cap. 28) como do primeiro casal Adão e Eva (leia o relato de Gênesis cap. 3). A única virtude a quem Deus concede graça é aos humildes, porém aos soberbos, isto é, aos orgulhosos, Ele resiste (carta do apóstolo Tiago cap. 4:6, e do apóstolo Pedro cap. 5:5, ARC). Cristo, em seus último ensinamento antes da crucificação, declarou que "o que a si mesmo se exaltar será humilhado; e o que a si mesmo se humilhar será exaltado" (Evangelho de Mateus 23:12, ARC). Um das caraterísticas do verdadeiro amor é a humildade. Na conhecida descrição do amor feita pelo apóstolo Paulo em 1ª Coríntios 13 é dito que "o amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece" (1ª Co. 13:4), ou seja, que ama é humildade, sendo impossível um orgulhoso amar de verdade

E agora leiam:

Cair e Levantar

Talvez, ao se deparar com esta página, você esteja caído de alguma
forma. Caído em um leito, vítima de enfermidade atroz. Caído no cárcere,
condenado ao desespero. Caído em culpas, preso ao julgamento da própria
consciência. Caído na solidão pelo abandono do ser amado. Caído na saudade pela
partida de um ente amado. Caído no fracasso por uma oportunidade que se perdeu.


Seja qual for o motivo de nos encontrarmos caídos no chão da inércia
ou do desespero, a lição que Chico Xavier nos oferece é a de nos levantarmos o
mais depressa possível. Isso porque, se nós permanecermos caídos, nada faremos
em prol de nós mesmos.


O momento da queda não simboliza o que somos, nem retrata o fim de
nossa vida. É apenas uma fotografia que registra um determinado momento, mas que
não define as próximas cenas que irão compor o filme de nossa existência.


Não deixemos que nossa vida pare naquela fotografia. Não fiquemos
estacionados na mágoa, na culpa, na vergonha, no desespero e no medo de viver.
Voltemos para a vida. Deixemos o filme rolar, partamos para outras fotografias,
novas cenas, pois isso somente acontecerá se nos levantarmos com ânimo e fé.


Qualquer queda pode representar dor e vergonha para qualquer um de
nós. No entanto, no estágio evolutivo em que nos encontramos no planeta, somente
Jesus teve pernas, suficientemente, fortes para não cair moralmente. As nossas
são pernas ainda fracas que as quedas visam fortalecer.


Jesus está com as mãos estendidas para nós, convidando-nos a levantar
agora mesmo. Não esperemos pela vontade. Façamos o que precisa ser feito, que a
vontade vem sempre depois.


E AGORA ALGUÉM AINDA S ACHA HUMILDE OU ACHA QUE SEU AMOR É DE VERDADE....

KKKKKK

codependente é CHATO




Bom dia Galera

Cara estava pensando codependente é chato demais, conversando na leitura do passo 1 com a minha madrinha percebi que o Dú além de ter comportamentos de dependente quimico, acho que antes dele se tornar um, ele era um codependente, com uma enorme necessidade de aceitação, e ultimamente ele tem tido atitudes codependentes digamos.

Já ouviram dizer que o codependente tem a mânia de adivinhar o que as outras pessoas sentem ou pensam?

Devido ao final de semana turbulento, eu to bem na minha, sem querer muita conversa, quero me guardar na casinha...kkk por um tempo, então ele me liga com uma desculpa pra falar comigo, o aluguel do salão de festa, segue a conversa:
- Oi Rá tudo bem?
- Sim tudo
- Então desculpa estar incomodando (olha o drama) mais queria ver que dia vc prefere pra alugar o salão, sábado ou domingo?
- Dú, amanhã a gente resolve isso quero ficar quieta ta bom.
- O que vc tem que ta tristinha?
- Nada de mais quero só ficar quieta, amanhã a gente conversa
- Olha me desculpa mais eu só fui falar com meu pai....
- Dú não precisa se explicar, amanhã a gente conversa
- Tá bom então, tchau
- Tchau, boa noite

 1 minuto depois

- Rá, se você não quiser falar comigo tudo bem, mais amanhã me manda uma mensagem escolhendo sábado ou domingo pra falar do aniversário.
- Dú amanhã a gente resolve sobre isso ta bom
- O que foi Rá o que eu te fiz me desculpa
- Nada homi só quero ficar quieta
- Ta bom então tchau
- Tchau!

1 minuto depois

- Rá se vc não quer mais ficar comigo fala, desculpa por esse final de semana, mas...
- Dú do céu, eu só quero ficar quieta, não tem dias q vc chega liga, fala que não está muito bem e que quer ir dormir, então poxa, para de achar q é com vc, é coisa minha tá bom boa noite
- Ta boa noite

Ufaaaaa não ligou mais, senão ia ter que desligar na cara dele, e tirar o telefone do gancho.

Sabe vejo nos grupos virtuais, muitas meninas agindo assim, eu tb já agi assim muitas vezes, cara percebem como é um saco isso.

Gente, as vezes acabamos agindo assim, por não termos vida propria ai parece que precisamos ter atenção de alguém para ficarmos em paz.

Tudo bem que ninguém vive sozinho nesse mundo, mais caramba ficar choramingando atenção das pessoas não rola, e outra nem sempre as pessoas estarão de bom humor, elas também tem seus dias cinzas.

Aprendam a ocupar a sua vida com assuntos seus, se preocupe em se modificar, o restante das pessoas são apenas companias que compartilham conosco sua vida, vejam bem compartilham e não vivem a nossa vida.

Aprendam a andar por si só sem esperar DOS OUTROS o que você mesmo pode se dar.

Assim somos menos chatos ;)

Fiquem com Deus



segunda-feira, 5 de agosto de 2013

recai? NÃO TROPECEI .



Bom dia Galera

Final de semana normal, com crises a administrar, sim sábado e domingo aconteceram coisas desagradáveis, na tentativa de acertar errei e permiti que ultrapassassem meu limite, e nesse domingo fiz a leitura do meu 1º passo com a minha madrinha

Admitimos que éramos impotentes perante o adicto – que nossas vidas tinham se tornado incontroláveis.

Sim realmente eu entendi e admiti que sou impotente perante tudo nesse mundo, a única coisa que sou capaz de controlar é a minha mente, ou seja a forma com que vejo e vivencio o mundo de uma forma geral.

Então vamos aos fatos, erros e acertos.

Sábado o Du foi em casa e fomos ao "Habibs" para ver sobre a festa de aniversário do nosso filho, rolou um assunto família do Dú e ele estressou e quis começar a descontar em mim, senti raiva, dei umas respostas atravessadas mas consegui me controlar, ligando o botãozinho do desligamento emocional ou foda-se pra quem preferir, ignorei, deixei falando.
Quando fomos pra minha casa, ele já estava mais calmo porém com ar arrogante e eu continuando a me esforçar pra permanecer com o botãozinho acionado.
Já eram 22:00hs, ele mora longe e estava de ônibus, disse a ele que já estava tarde e que era melhor ele ir embora, ele se ofendeu, e quis começar a discutir me acusando de estar mandando ele embora, eu me contendo respondi: quem vai ir embora a pé é vc então vc quem sabe.
Depois de uns 10 minutos foi embora, e depois de mais uns 10 minutos me liga resmungando coisas sobre meu pai, como minha serenidade não tava lá aquelas coisas, quando vi ele falando da minha família explodi, gritei e falei um monte no telefone coisas do tipo quem você pensa que é e você só pode estar doido, ele só ouviu essa palavra doido e pegou pra me acusar de ofender ele..e blablabla...resolvi desligar o telefone e não atender mais, pq se não posso ser assertiva melhor calar a boca, foi o que fiz, não queria me estressar mais.
Depois de uma meia hora liguei pra ele, ele "choramingando" disse que não estava mais dando conta e que se fosse pra acontecer que acontecesse logo, que a vida dele tava insuportável, e blablablabla...que não sabia quanto tempo ia aguentar, respondi a ele, meu para de jogar sua vida fora por causa dos outros...Só por Hoje, vá pra casa e descanse, não se preocupe com o amanhã viva o só por hoje,  ele foi pra casa ligou pra mim qd chegou disse q me amava que estava cansado de ser aquela pessoa cheia de magoa, que queria mudar, respondi então mude, volte ao NA, a conversa acabou ai.
Domingo como de costume fui a palestra espiritual e na sequencia fui encontrar minha madrinha pra ler o 1 passo, foi muito bom vi que realmente tinha aceito minha impotência e que essa palavra: ME RENDO...finalmente havia entrado na minha vida...rs..
Então o Dú me ligou, disse que havia saído da igreja combinamos de nos encontrar, ele estava ainda com  ar arrogante, ou mente fechada...eu até tava em paz, mais no caminho começaram as chorumelas e meu nível de serenidade foi se esgotando, chegamos em casa e ele continuou com os blablabla....dessa vez não discuti, mais aquilo tudo me fez muito mau, muito mau fiquei péssima, quando me vi estava eu subindo pro quarto e enfiando a cabeça no travesseiro pra fugir daquela cena toda, ele subiu atrás falando, querendo fazer eu me sentir culpada, com uma auto piedade sem tamanho e eu me sentindo acoada sem saber o que dizer, se eu mandasse ele embora ele não iria e a situação ia piorar, qualquer coisa que eu dissesse ele distorceria e viraria mais fuá, e eu não queria ter que viver algo que eu não queria mais uma vez, aquela cena me remeteu ao passado, quando eu achava que era "obrigada" a viver aquilo e  não havia saída.
Então quando ele ficou quieto eu sentei na cama e disse a ele:
- Escuta eu sai de casa, justamente pra não viver mais isso, meu maior problema como você não era você usar droga, era me encher o saco, e agora mesmo eu saindo de casa e você limpo, não é capaz de me respeitar, o que é que eu vou precisar fazer mais pra não ter que viver isso aqui de novo, por que eu não vou mais viver assim, nem que eu não fale mais contigo, mais s for preciso não vou mais conviver contigo, caramba, esse final de semana vc ta difícil heim, te chamei pra ir no Habibs, combinamos de nos encontrar pra que, pra ficar assim como antes, a sinceramente não rola não dá nem você aguenta e nem eu.

Ai parece que ele voltou um pouco a si e melhorou o comportamento, eu dormi ele ficou com as crianças e depois ficou puxando meu saco.

Antes dele ir embora eu disse a ele: não adianta nada fazer aquele fua e depois ficar bonzinho, essa foi a última vez, não vai ter próxima, vê direito.

Minhas conclusões: o Dú ta na fase, eu sei que a droga me faz mau, porém ainda não aceitou a impotência dele perante o problema, ele só sabe na teoria a prática ainda tá longe.
Quanto a mim, foi a prova de fogo kkkkk...pra ver como eu estava de aceitação..kkkkk

E posso dizer que por alguns instantes a aceitação foi embora, pq eu tentei modifica-lo com palavras e nessas horas discutimos, mais passou e eu também aprendi a aceitar que irei errar sempre o que importa é recomeçar e não me cobrar tanto, então vou voltar a me policiar pra ser mais assertiva no intuito de ME PRESERVAR e não em modifica-lo.


Só por hoje eu to me reerguendo do tropeço que aconteceu e voltando a caminhar...

Bora voltar ao trabalho

Fiquem com Deus

sexta-feira, 2 de agosto de 2013

você ainda acha que isso é AMOR?

Codependência

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Codependentes podem negar a existência de um problema com seus entes queridos mesmo em face de muitas evidências.1

Codependência é um termo da área de saúde usado para se referir a pessoas, geralmente parentes, fortemente ligadas emocionalmente a uma pessoa com séria dependência física e/ou psicológica de uma substância (como álcool ou drogas ilícitas) ou com um comportamento problemático e destrutivo (como jogo patológico ou um transtorno de personalidade).2 É um fato conhecido que a dependência patológica causa grande impacto e sofrimento na vida das pessoas próximas, mas poucos percebem como a codependência é altamente prejudicial para ambas partes envolvidas. Ao invés de ajudar o dependente a melhorar, certos tipos de codependentes acabam reforçando o comportamento patológico.3
O codependente acredita que sua felicidade depende da pessoa que tenta ajudar, e assim se torna dependente dele emocionalmente, procurando ajudá-lo seja sendo excessivamente permissivo, tolerante e compreensivo com os abusos do outro, seja sendo excessivamente controlador, perfeccionista e autoritário. É comum que o codependente coloque as necessidades do outro, acima de suas próprias. É comum que desenvolvam duplo vínculo.

Índice

Características

É comum aos codependentes desenvolverem sintomas relacionados ao estresse como dor de cabeça, gastrite, depressão e transtornos de ansiedade.4
Ao mesmo tempo que a codependência causa sofrimento ela também pode ser fonte de auto-estima e fazer parte da identidade5 :
Cquote1.svg "Muitas vezes, pensamos que somos a melhor pessoa do mundo porque agradamos aos outros e não a nós mesmos. Interrompemos nossas atividades para atender ao chamado alheio. Fazemos sempre mais do que os outros nos pedem, e, habilidosamente, antecipamos seus desejos e abrimos mão dos nossos com extrema facilidade. Depois, ficamos chateados quando os outros não fazem o mesmo por nós!".
Cquote2.svg
Bel César

Sinais e sintomas

Algumas das características do codependente, segundo o livro "Co-dependência" nunca mais de Melody Beattie, são5 :
  • Considerar-se e sentir-se responsável por outra(s) pessoas(s) – pelos sentimentos, pensamentos, ações, escolhas, desejos, necessidades, bem-estar, falta de bem-estar e até pelo destino dessa(s) pessoa(s).
  • Sentir ansiedade, pena e culpa quando a outra pessoa tem um problema.
  • Sentir-se compelido – quase forçado – a ajudar aquela pessoa a resolver o problema, seja dando conselhos que não foram pedidos, oferecendo uma série de sugestões ou equilibrando emoções.
  • Ter raiva quando sua ajuda não é eficiente.
  • Comprometer-se demais.
  • Culpar outras pessoas pela situação em que ele mesmo está.
  • Dizer que outras pessoas fazem com que se sinta da maneira que se sente.
  • Achar que a outra pessoa o está levando à loucura.
  • Sentir raiva, sentir-se vítima, achar que está sendo usado e que não sente sendo apreciado.
  • Achar que não é bom o bastante.
  • Contentar-se apenas em ser necessário a outros.
Nem toda forma de apoio, compreensão e altruísmo são problemáticos, eles podem ser muito úteis e importantes para o funcionamento da família, só se tornam problemáticos quando causam grande sofrimento aos envolvidos e não ajudam a resolver o comportamento patológico da pessoa-problema.

Codependentes anônimos

Nos mesmos moldes dos Alcoólicos anônimos, os Codependentes anônimos, tem por objetivo ajudar pessoas codependentes com terapias de grupo. As chamadas Doze Tradições dos Codependentes Anônimos foram adaptados das 12 Tradições de Alcoólicos Anônimos, são elas2 6 :
  1. Nosso bem-estar comum deve estar sempre em primeiro lugar; a recuperação pessoal depende da unidade de Codependentes Anônimos.
  2. Somente uma autoridade preside, em última análise, ao nosso propósito comum – um Poder Superior amantíssimo que Se manifesta em nossa consciência coletiva. Nossos líderes são apenas servidores de confiança; não têm poderes para governar.
  3. O único requisito para ser membro da unidade de Codependentes Anônimos é ter um sincero desejo para relacionamentos saudáveis e amorosos.
  4. Cada Grupo deve ser autônomo, salvo em assuntos que afetam outros Grupos, ou Codependentes Anônimos como um todo.
  5. Cada Grupo tem um único propósito primordial – levar sua mensagem ao Codependente que ainda sofre.
  6. Um Grupo de Codependentes Anônimos nunca deverá jamais endossar, financiar ou emprestar o nome de Codependentes Anônimos a qualquer sociedade parecida ou empreendimento alheio à irmandade, para que problemas de dinheiro, propriedade e prestígio não nos desviem de nosso propósito espiritual.
  7. Cada Grupo deverá ser totalmente auto-sustentável, recusando assim contribuições de fora.
  8. Codependentes Anônimos deverá permanecer sempre não profissional, embora nossos centros de serviços possam empregar trabalhadores especializados
  9. Codependentes Anônimos, jamais deverá organizar-se como tal; podemos, porém, criar juntas ou comitês de serviço diretamente responsáveis perante aqueles a quem prestam serviços.
  10. Codependentes Anônimos não opinam sobre questões alheia à Irmandade, portanto, o nome de Codependentes Anônimos, jamais deverá aparecer em controvérsias públicas.
  11. Nossas relações com o público baseiam-se na atração em vez da promoção; cabe-nos sempre preservar o anonimato pessoal em nível de imprensa, rádio e filmes.
  12. O anonimato é a base espiritual de todas as nossas Tradições, lembrando-nos sempre da necessidade de colocar os princípios acima das personalidades.

Tratamento

Star of life caution.svg
Advertência: A Wikipédia não é consultório médico nem farmácia.
Se necessita de ajuda, consulte um profissional de saúde.
As informações aqui contidas não têm caráter de aconselhamento.

É importante que o codependente faça algum tipo de acompanhamento psicológico (seja ele terapia de casal, terapia em grupo, terapia familiar ou terapia individual), pois trata-se de uma situação que envolve grande sofrimento e muito difícil de ser resolvida sem ajuda. Em alguns casos acompanhamento psiquiátrico também é recomendado. 2
Padrões de co-dependência não resolvida pode levar a problemas mais graves como o alcoolismo, vício em drogas, transtornos alimentares e outros comportamentos auto-destrutivos e vícios patológicos. As pessoas com co-dependência também são mais susceptíveis de atrair novos abusos de indivíduos agressivos , mais propensos a ficar em empregos estressantes ou relacionamentos, menos propensos a procurar atendimento médico quando necessário e também são menos propensos a receber promoções e tendem a ganhar menos dinheiro do que aqueles sem os padrões de co-dependência.3
Apesar da importância da psicoterapia, deve-se ter cautela ao escolher tratamentos, pois nem todos são baseados em evidências, alguns são apenas baseados em crenças e filosofias que podem causar ainda mais prejuízo a família envolvida.7 8

Ligações externas

Referências

  1. Charles L. Whitfield, Co-dependence: Healing the Human Condition (1991) p. 55
  2. a b c http://virtualpsy.locaweb.com.br/index.php?art=392&sec=34
  3. a b "Codependence", in: Benjamin J. Sadock & Virginia A. Sadock (eds), Kaplan & Sadock's Comprehensive Textbook of Psychiatry on CD, Philadelphia: Lippincott Williams & Wilkins, 7th ed. 2000, ISBN 0-7817-2141-5, 20703-20707.
  4. http://www.allaboutcounseling.com/codependency.htm
  5. a b http://somostodosum.ig.com.br/conteudo/conteudo.asp?id=04447
  6. http://www.codabrasil.org/trad1.htm
  7. Kaminer, W. (1992). I'm Dysfunctional, You're Dysfunctional: The Recovery Movement and other Self-Help Fashions. New York: Vintage
  8. Gordon, J.R., Barrett, K.(1993) The Codependency Movement: Issues of Context and Differentiation. In Baer, J.S, Marlatt, A. & McMahon, R.J. (eds.) Addictive Behaviors Across the Life Span. Newburry Park: Sage