sexta-feira, 12 de julho de 2013

o que Fazer?




Bom Dia Galera!!


Quando nos deparamos com essa noticia: meu familiar usa drogas

Somos tomados por sentimentos de insegurança, pois até então nós conheciamos o ambiente em que viviamos, conheciamos nossos familiares, já haviamos apredido a lidar com o dia a dia, quando surge algo novo e esse novo é conhecido por destruir vidas, familias, trazer morte, sofrimento nós tendemos a ir pra um dos dois lados,  vamos pro lado negação: "Há é coisa de adolescente, só maconha, logo ele para" ou para o lado do desespero: " Meu filho virou um nóia, deve estar roubando, preciso interna-lo agora, choro, me desespero, o agrido"

Essas são as reações que os familiares costumam ter quando descobrem um familiar usuario de drogas o que acaba sendo natural, visto que somente é mostrado na midia Cracolandia, mortes ou parentes desesperados atrás de clinicas pra internar seus familiares da pavor de pensar viver essa realidade, ou então a negamos ou a realizamos em nossa mente muitas vezes sem ela acontecer.

A Dependência Quimica, vai além da cracolandia, vai além de internar um dependente quimico em uma clinica e achar que agora ele vai sair de lá curado, vai muito além disso.

A Dependência Quimica é uma doença DA FAMILIA que convive com o dependente, digo isso não culpando ou responsabilizando os familiares pelo seu ente querido usar drogas.

Digo isso porque um dependente quimico na ativa ou seja, uma pessoa que usa drogas e mesmo que fique periodos limpos, mas ainda não tenha aceitado que tem um problema e não controla mais o uso, quando este está na ativa da doença, ele afeta a familia toda, adoecendo a todos os que convivem com ele.

Não sou eu que afirmo isso, já foram feitos estudos por orgãos competentes que mostram que um dependente quimico na ativa, afeta de 5 a 18 pessoas de seu convivio emocionalmente e fisicamente, por esse motivo  a dependencia quimica é a doença da familia, onde se tem um dependente se tem ao redor codependentes.

Então você se pergunta: O que eu faço?

Procure um grupo de ajuda pra familiar, a primeira coisa a se fazer, vá conhecer a doença da dependência quimica e como ela nos afeta nos tornando codependentes.
Somente com conhecimento, vamos estar preparados pra enfrentar as batalhas que surgirão.

A negação é um caminho que somente irá adiar o seu pedido de ajuda, você irá negar até que a realidade bata em sua porta

O desespero nos leva a agir insanamente, acabando com qualquer possibilidade de uma ajuda de forma mais assertiva.

Como os grupos me ajudaram?

1- Me fizeram entender que a dependencia quimica é a doença do comportamento, o uso de drogas é só a ponta do Iceberg, não adianta o dependente quimico parar de usar drogas somente, ele precisa modificar seus comportamentos, se tornar uma pessoa melhor pq senão recai

2- Não existe cura, não existe ex dependente, mas existe recuperação que é pro resto da vida, do dependente e do familiar

3- Viver a recuperação é maravilhoso,  no inicio quando você ouve que terá que viver em recuperação pro resto da vida da uma impressão ruim parece que o resto da vida teremos que "frequentar hospitais" ou nos privar de coisas boas, não..não, recuperação vai além disso: RECUPERAÇÃO É LIBERDADE...a verdadeira liberdade, é ser uma pessoa melhor, É MARAVILHOSO...posso afirmar

4- Sozinho ninguém consegue e juntos somos mais fortes.

Depois que passei a buscar ajuda pra mim, conheci pessoas maravilhosas, descobri que sou querida por muitos.

Ontem depois de uns 8 meses, voltei a sala de Amor Exigente a qual frequentava, foi emocionante, rever os amigos que lá fiz, que me abraçaram, que se emocionaram ao me ver retornar, que lembravam do meu nome.
Mais emocionante foi ver os pais juntos, geralmente só o pai ou a mãe procuram o grupo, quando cheguei lá vi 7 casais de senhores e senhoras, sentados lado a lado de mãos dadas, pessoas que há 8 meses atrás iam sozinhas, vi uma familia inteira de um dependente, com direito a avó, mãe, tia, irmãos, sobrinho...

Cara se vocês soubessem como é importante a familia unida buscar ajuda, conhecimento e ferramentas.

Por isso digo a vocês busquem ajuda e continuem voltando, pode não fazer sentido no inicio, pode ser incomodo, MAIS VALE A PENA.

Fiquem com Deus e um ótimo final de semana

Não existe cura, MAIS EXISTE RECUPERAÇÃO...PRA QUEM QUER...o segredo ta no querer.

EU QUERO E VOCÊ?


Procure um grupo perto de você:

www.amorexigente.org.br

www.naranon.org.br
 

Um comentário:

  1. Nas salas encontramos um calor humano incrível... Os olhares parecem nos enxergar por dentro... As pessoas compreendem nossas palavras, e até mesmo as entrelinhas... E, sobretudo elas nos amam, assim do jeitinho que somos, sem condições, e sem julgamentos... E os abraços? Tão cheios de sentimentos e identificação! Encontrei em um grupo de apoio, a aceitação que busquei a vida inteira. Aliás, lá encontrei a Poly que estava sumida e perdida dentro de mim...
    Bjos.

    ResponderExcluir