sexta-feira, 5 de julho de 2013

expectativas, como se livrar delas!!




Bom dia galera...feriadão a vista aqui em sampa....uhuuu...só quarta-feira

Sobre expectativas:

Significado de Expectativa

s.f. Condição de quem espera pela ocorrência de alguma coisa; perspectiva: expectativa de tempestade.
Estado de quem espera algum acontecimento, baseando-se em probabilidades ou na possível efetivação do mesmo.
P.ext. Desejo intenso por algo próspero: expectativa de um bom trabalho.
 (dicionario on line)

Analisando essa palavra, é natural do ser humano criar expectativas.

É normal nos frustramos com as expectativas, é uma forma de aprendizado.

A questão é que na doença dependencia quimica e codependência, existem coisas que devemos evitar, assim como o diabético evita o doce, quem convive com um dependente quimico deve evitar criar expectativas que envolvam o dependente quimico em questão.

Em uma partilha de uma mãe, uma mulher que se expressava muito bem, cujo o filho está preso, ela disse assim:

Sabem, eu aprendi aqui nessa sala que a dependência quimica é uma doença, uma doença que afeta o comportamento da pessoa, ouvi dizer até que é um defeito genético, que por algum motivo esses individuos nascem com uma carga hormonal abaixo da média, então aqueles hormônios da  familia "ina" que nos proporcionam sensação de bem estar, os dependentes quimicos tem uma carga muito baixa, por isso a dificuldade deles em lidar com as emoções e a necessidade de buscar algo artificial para preencher o "tal Vazio", agora me digam, se é uma doença? se não tem cura, apenas controle?
Como eu posso criar expectativa em cima deles? Não eu não posso.
Se eu sei que o final dessa doença são os 3 "C", Clinica, Cadeia e Caixão.
E que se o proprio individuo não se conscientizar disso e lutar diariamente pra buscar a sua recuperação ele pode SIM chegar em um desses finais.
O que EU que não sou Deus, sou um ser humano mortal, posso fazer?
Nada, pra que raio eu vou criar alguma expectativa, pra que? Por que? Pra cair de cara no chão.
Meu filho já percorreu 2 dos 3 "C", clinica e cadeia, eu espero, tenho muita ESPERANÇA, de que ele pare por ai, mais só. Dizer que não agora que ele ta preso, agora sim ele chegou no fundo do poço e  agora vai, agora ele indireita. Não, de maneira alguma, eu espero, rezo muito ao Poder Superior que ele consiga vencer, no mais eu aprendi que preciso cuidar de MIM.
Essa doencinha é tão traiçoeira, que ele recaiu LIMPO 2 anos limpo, não é a toa que falamos que o problema não é a droga mais sim a  "droga do comportamento", e por isso ele ta preso.
Não adianta, enquanto o individuo, não se conscientizar, não aplicar o que é aprendido na programação os 12 passos, não procurar se tornar uma pessoa melhor, ele recai.
Eu como mãe, estou triste, claro, quem não estaria, isso é normal.
Mais eu aprendi que tenho uma vida, tenho uma familia e não posso e não devo modificar a ninguém, somente a mim.
Então hoje eu escolho, ME modificar, e a ele AMAR, porém respeitando os meus limites, sem facilitação.
Ele ta la preso porque fez coisa errada e ta arcando com as consequencias.
ELE ta preso não EU.
ELE cometeu um crime, não EU.

EU to viva, não é fácil passar por tudo isso, não, não é.

Mais há tempos abandonei a coitadinha, pobrezinha, a sofredora e resolvi ser feliz, e aonde eu recarrego minhas energias pra continuar a caminhar? É aqui nessa sala.
Meus sentimentos vão surgir sempre, eu não posso e não devo controla-los, a raiva, a alegria, a tristeza, eu não tenho a obrigação de me sentir feliz quando estiver vivendo algo que cause uma dor tamanha como essa.
Mais eu tenho uma escolha, eu posso e devo recomeçar, me levantar e caminhar.
E é aqui junto com vocês que eu encontri forças pra continuar.

Esperança sempre, sempre, sempre.
Expectativa com nossos entes dependentes quimicos NUNCA, JAMAIS.

Nossa esse dia, eu aprendi muito, aprendi demais com essa mãe.
E tento colocar em prática no dia a dia com meu ex marido dependente quimico.
Eu sei que hoje ele ta limpo, hoje eu tento buscar minha recuperação, tento ser assertiva ao máximo, respeitando meus limites e respeitando a ele.
Hoje eu tento aplicar bem esse ensinamento: Amar ao próximo como a ti mesmo.
Hoje eu tenho consciencia que o homem que eu amo tem uma doença (aceitei isso) aceitei minha doença a codependência, e hoje tento caminhar, aprendendo a me aceitar dia a dia, procurando me melhorar dia a dia.
Aprendi que se um dia ficarmos juntos, pra nossa vida funcionar as coisas terão que ser diferentes do que se fosse com uma pessoa "normal".
Algumas das coisas a serem diferentes é não misturar minha vida financeira a dele, eu preciso ter condições de dar uma base pra duas crianças: casa, estudo, saúde e nisso eu sei que só posso contar comigo, ele pode e DEVE me ajudar, mais não tem como depender dele, não tem como depositar confiança total nele, mesmo ele reconstruindo a vida dele e estando limpo a um bom tempo.
Se você quer dividir sua vida com um dependente quimico, precisa ter bem claro essas coisas, pois se um dia ele cair, se você estiver "protegida" você não despenca junto.
Você precisa estar muito preparada emocionalmente, pra lidar com uma pessoa que pode sim se tornar violenta, você precisa estar muito bem consigo mesma, pra se caso necessário agir como se deve, pra se proteger e proteger aos seus.
Você precisa estar muito bem espiritualmente, pra não se sentir julgada pelo dependente quimico de sua convivencia e não ser pega pela culpa.

Esse mundo "dependência quimica" é feio demais, horripilante, independente da  personalidade do adicto, se ele é bonzinho, ou agressivo essa é a DOENÇA DO SE, se não fez vai fazer, caso ela não seja controlada.

(Quem afirma isso são os proprios adictos e não EU)

Não se iludam e não criem EXPECTAVIVAS nenhumazinha, em relação a eles.

Aceite essa realidade e busque ferramentas pra saber sobreviver a ela.

No final de tudo existe algo muito bom nisso tudo.

Foi vivendo isso que aprendi a verdadeira chave da paz interior.

A paz interior está no nosso controle sobre nossa mente, no universo todo isso é a unica coisa que podemos controlar.

Fiquem com Deus e um ótimo feriadão a todos

Nenhum comentário:

Postar um comentário