quarta-feira, 22 de maio de 2013

cansaço de mim mesma como Recomeçar?




Foi assim que terminei o dia ontem e comecei hoje, cansada de mim, com dúvidas de como recomeçar, o Dú, me ligou ontem nem sei quantas vezes, as primeiras eu atendi, ouvi, falei, repeti, repeti, repeti...cansei desliguei...foram sei la quantas ligações não atendidas, dormi exausta.
Hoje cheguei no trabalho nem coloquei a bolsa na mesa, nem sentei na cadeira o telefone toca, o Du com a mesma conversa de ontem, ouvi, ouvi, falei, desliguei...cansada de mim, cansada de viver isso, cansada, fui ao banheiro me arrumar e de la ouvia o telefone tocar insistentemente na minha mesa, cada toque um arrepio de desespero de cada palavra que ele solta de autopiedade.
Voltei pra mesa, telefone tocando, atendi ele dizendo desculpa, eu soltei: Pqp mais nem meu trabalho vc respeita, to ouvindo o telefone tocar igual desesperado enquanto estou no banheiro...caramba, vo te que tirar o telefone do gancho? Vai trabalha me deixa em paz...ele chorando ddiz eu to perdido, respondi e eu to mais perdida que vc, para de querer se direcionar por mim, que merda...ele pediu desculpa e desligou.

Sensação, confusão, cabeça roda, cheias de porques, de pra que, de como...de caracaaaaa que merda, vontade de dormir..de fugir disso tudo, de mim mesma, cansada de tomar porrada e não conseguir me defender...

Pedi da uma luz senhor...mais seja claro pq filosofia essas horas pra mim não resolve.

Abri meu livrinho de mensagens diarias e recebi o recado.

O aluno João queixava-se ao professor de psicologia.
- Não sei o que quero e o que devo esperar, nem sei se tenho paz, se sou alegre ou triste. Oriente-me.
- João, diz-lhe o professor, cuide de acreditar em si para superar as dúvidas. Não fique preso ao EGO que é exterior e máscara, mas ao EU que responde aos pensamentos. Se você pensar negativo, criticar, queixas-se, ser egoísta ou triste. vêm as dores. Se pensar positivo, crer em Deus e em si próprio, virão tranquilidade, firmeza, bem-estar e solucionará os enigmas intimos. Entendeu?
- Sim, respondeu João serei positivo e seguro de mim.

Ufaaaaaaa...um gás pra começar o dia

Obrigada Deus...

11 comentários:

  1. Hoje o PS, traz essa literatura lá no site do nar-anon:
    CONTROLE

    Foi numa sala Nar-Anon que me conscientizei de quanto eu era controladora. Até então, eu achava que fazia parte de meu papel de mãe “zelar” pelo bem-estar do meu filho adicto, ficar acordada até que ele chegasse, brigar com ele pela manhã para que não perdesse a hora, vasculhar seus bolsos e gavetas, conferir seus olhos, controlar se estava realmente indo ao trabalho e à escola, depositar fundos no banco quando ele estourava a conta, controlar se estava indo às bocas, pagar traficantes, advogados, polícia e demais despesas que ele fazia. Dirigindo-lhe grandes sermões, eu sentia que era minha função controlar todas essas situações para evitar que o nome da família pudesse ser comprometido.

    A programação Nar-Anon e as partilhas dos companheiros do meu Grupo me fizeram entender que eu estava tentando controlar o incontrolável e estava sufocando o meu filho. Aceitei que ele era um adicto, portador de uma doença progressiva e incurável e que as minhas tentativas de controle apenas contribuíam para ele continuar cada vez mais comprometido com aquela doença.

    Entendi que seria muito melhor entregar ao meu filho a responsabilidade de viver a sua própria vida, enquanto eu deveria investir na minha própria recuperação e me fortalecer para enfrentar as crises que eventualmente viessem, amparada no meu Poder Superior.

    E foi o que aconteceu. Vivenciamos mais de uma crise, mas crescemos todos com elas. Estamos mais fortalecidos e hoje sabemos que com fé e confiança na programação e no Poder Superior as crises se tornam acontecimentos com os quais temos que conviver, pois são parte da vida.



    Reflexão de Hoje

    Hoje sei que não posso modificar as outras pessoas, nem mesmo meus filhos, e não devo tentar exercer qualquer tipo de controle sobre elas. A programação me encoraja a colocar o foco da minha recuperação em mim mesma, mudando minhas atitudes e colocando a responsabilidade da vida dos outros em suas próprias mãos.



    “Posso puxar o sol com uma forquilha ou impedí-lo de seguir o seu caminho?”

    ResponderExcluir
  2. Kel, telefone foi inventado pra gente poder ligar para as pessoas quando precisamos falar com elas. Não pra ser atendido, kkkkkk....eu tenho uma irmã que nunca atende telefone, ela só usa pra ligar. E à noite ela desliga e ponto.Claro que isso é um exagero, mas algumas vezes a gente tem que agir assim. O Sr Du tá com sobra de tempo e falta do que fazer....e infelizmente vc está permitindo que ele ocupe o tempo com vc. Isso não é nada bom nem pra ele e nem pra vc. Conselho de madrinha: corta.

    ResponderExcluir
  3. é madrinhas eu sei...eu tento controlar...mais naum uma possivel recaida dele...disso to calejada...naum evito mesmo e há tempos..eu tento evitar as crises que tenho q enfrentar...pq nem sempre estamos "fortes" pras tais crises...ai fico tentando um acordo antes de ir pra "guerra"..kkkk..só que infelizmente meu aliado não quer conversa e o negócio dele é guerrear...pq ele sempre venceu alias me venceu assim....na luta...eu deixava mais ou menos nas mãos de Deus...eu deixava mais assim: ó PS...eu confio em vc mais pega leve...e na verdade eu devo dizer eu confio em vc e pronto..kkk..mais é assim mesmo vivendo e aprendendo...só por hoje me rendo...kkk me rendo...e seja o que Deus quiser..kkk

    ResponderExcluir
  4. que complicação, não sei o que é pior, atender, ou deixar de atender...porque eles sabem que cansando uma hora eles conseguem, e tem uma paciência absurda, e não desistem ate conseguir... quem dera se desligar apenas o telefone fosse o bastante...=/

    Deus te abençoe, te de forças e cuide de voce Kel!

    ResponderExcluir
  5. Ele sempre te vence pelo cansaço e sabe perfeitamente disso, já conseguiu algum progresso e está redobrando o ataque. E vc está ficando cansada, olha o perigo querida....sai de cena e recupera as forças.

    ResponderExcluir
  6. pois é..ele é esperto...conhece bem meus pontos fracos...rs...mais to aprendendo com dificuldades mais aprendendo a me defender

    ResponderExcluir
  7. É, mesmo quando separados ele continuam nos desgastando.. entendo isso muito bem. Acho que o objetivo deles é nos vencer pelo cansaço, só pode..
    Mas siga firme e forte na sua decisão.

    Beijoss

    ResponderExcluir
  8. ahhh amiga, dá um basta nesse Du, desliga esse telefone. Ninguém merece! E outra... para de falar palavrão! kkk... não, é sério... para de ficar falando tanto palavrão, sabe o que aconteceu comigo. A professora do meu filho, me chamou na escola dizendo que tudo ele falava pqp, merda, bosta, etc... depois de passar essa vergonha ela me disse: ele aprende em casa viu? Aí fui me reparar, e era verdade!
    Aí um dia na Igreja, aprendi que o palavrão não condiz com a boca que pronuncia louvores. Enaltece o inimigo ficar falando isso.
    NÃO FALEI MAIS!
    Meu testesmunho aqui...
    Deus lhe abençoe

    ResponderExcluir
  9. kkkk.vlw pelo boca suja...tens razão falo palavrão demais...bjaum

    ResponderExcluir
  10. Kel, vc não acha melhor cortar essas ligações que o seu ex faz pra vc no trabalho? . Além da sua cabeça ficar quase explodindo, essas ligações pessoais demoradas, ainda mais com briga no meio, podem passar uma imagem ruim de vc no trabalho e até te prejudicar de uma forma mais séria, tô falando no sentido profissional mesmo. Melhor vc se preservar, não se expor. Tem que por limite no seu ex, provavelmente ele não está se importanto se vai te prejudicar ou não... corta essas ligações nem que vc tenha que trocar de ramal no trabalho e nunca mais dê o número pra ele e bloqueia o número dele no celular até ele começar a te respeitar e deixar de ser egoísta..

    ResponderExcluir
  11. tens razão..rs..mais graças a Deus ele não ligou mais...se precisar usarei sua dica....:)

    ResponderExcluir