sexta-feira, 19 de abril de 2013

os rtimos da Vida




Buenaaaaaaaaaasss

Eu sempre pensei que, sonhar, amar, flutuar, era o que deveriamos fazer para ser feliz
Eu sempre achei que a vida era uma eterna valsa...
Fui crescendo e enxergando que a vida as veezes, era valsa, as vezes samba, as vezes rock e as vezes beeeemm PUNK.
Então entendi, que não era o mundo que deveria se adaptar ao meu rtimo, mais sim eu que deveria aprender a dançar o rtimo que a vida estivesse tocando.
Aprender não é fácil, é simples...porém não é fácil
Há momentos da vida em que a dança exige certos ritmos que vc ainda não aprendeu a dançar.
Em um momento de grande tristeza, vc deverá aprender a ser otimista
Em um momento de decisão, vc deverá ser realista
Se em algum momento vc estiver cansada e começar a ser pessimista...ok não se culpe, apenas entenda que faz parte da dança da vida passar por essas coisas, e que esse pessimismo está servindo pra vc aprender a identificar que vc não sabe tudo, então vc vai ver que se quiser voltar a dançar sorrindo e levemente existem muitos dançarinos a sua volta dispostos a te ensinar um novo ritmo.
A humildade, a paciência, a resignação, a persistência, a confiança a fé.
Afinal se vc não se permitir errar nessas coreografias e ritmos frenéticos da vida, vc nunca se tornará um verdadeiro bailarino, apenas fingirá que aprendeu a dançar : )

Fiquem com Deus e um conselho...SE PERMITA....VALE A PENA 

Um comentário:

  1. Como diz meu terapeuta Ogro.
    Deixar a doença de lado é fácil, é só mudar a nossa vida toda!

    Sim, e aprender a dançar o ritmo certo!
    Bjs

    Adorei a postagem!

    ResponderExcluir