segunda-feira, 17 de setembro de 2012

mundo de Sonhos!!



Meninas, companheiras, amigas....

Eu Kelzinha, como a Sol, me chama a lokinha aqui...rs...sou mesmo e assumida..hahah

Relato no blog a minha experiência convivendo com a dependência quimica e com a codependência...

As vezes posso até transparecer que eu defendo  A SEPARAÇÃO...
Gente eu não to casada até hoje?...rs....kkkk

O que eu tento passar dizendo a realidade exatamente como ela acontece comigo NUA E CRUA...é que..precisamos aprender a encontrar o EQUILIBRIO...e não é fácil não MEEESSSMOOO

Esse equilibrio se consiste em ajudar nossos amados sem nos prejudicarmos e buscarmos nossa felicidade sem prejudicar ninguém!!!
Parece fácil...mais digo: né não...rs

Então se questionem SEMPRE, é normal nos sentirmos em paz quando tudo está bem, mais quando não estiver se questionem, se olhem no espelho e perguntem estou ME AMANDO???

Estou ajudando sem ser prejudicada?

Estou buscando a minha felicidade?

Se questionem isso dia a dia, decisão a decisão...

Não se iludam só isso...tenham esperanças sempre mais não expectativas;

Sonhar é maravilhoso, sonhar é tudo...mais não vivemos de sonhos...

Por isso quando as vezes vejos relatos de pessoas que vivem no olho do furacão dizendo que são felizes, não que eu não acredite, sim aquela pessoa pode estar feliz naquele momento...mais será que está mesmo?...será que esse grito de eu estou feliz não é pra  provar pra si mesmo que se é feliz?

Eu fiz isso durante anos...eu dizia eu amo ele, eu sou feliz, ele usa droga ta, mais ele nunca vendeu nada, ele sempre trabalhou, ele nunca me traiu, ele nunca me bateu..mais eu estava me enganando

Oq ele nunca vendeu nada dentro de casa, mais eu precisava me matar pra segurar as pontas,
Ele nunca me bateu, mais diversas palavras e atitudes me feriram mais que um tapa
Ele nunca me traiu, mais cada noite que ele passou fora de casa pq foi usar a droga me feria como uma faca atravessando meu coração.

Quando eu me olhei no espelho e perguntei se realmente eu era feliz...a minha mascará caiu.

Não eu não era feliz...e como doeu admitir que durante 6 anos eu me enganei, como eu me sentio burra, traida, por mim mesma..eu cheguei a pensar que não teria esse direito de ser feliz.

Sejam sinceras com vcs...
Eu olhava pra minha vida sem a dependencia quimica e codependencia..e sabe parecia um sonho lindo...que se eu quisesse atravessaria a ponte e chegaria la.

Só que pra atravessar essa ponte eu precisaria me modificar e fazer escolhas, e infelizmente eu sei que pra atravessa-la a adicção ativa do meu marido não conseguiria ultrapassa-la.

Não existe felicidade no mundo da adicção, existe tristeza, sofrimento, perdas, ilusão caramba e como entender que ainda assim uma pessoa preferia viver isso?

É uma doença, só podia ser uma doença, agora eu preciso viver nesse mundo, junto dele?

EU não vejo como...a porta do meu MUNDO, eu vou deixar aberta pra quando ele quizer vir...

Mais meu mundo não cabe nesse que ele quer viver...

Eu espero realmente que essa lambança que ele aprontou o faça enxergar

Senão terei de tomar a atitude mais triste de minha vida
partir pro meu "mundo de sonhos" sozinha e espera-lo por lá...


2 comentários:

  1. Falou tudo Kel... posso falar por mim em novembro soube da adicção do meu marido em Fevereiro estava separada... aprendi muito cedo que não existe felicidade ao lado de um DQ na ativa pelo menos na MINHA CONCEPÇÃO!!! o larguei sem olhar para trás era a unica forma de dar continuidade a minha vida!!! o homem que conheci e amava não estava ali só um estranho que fazia o que fosse possível para conseguir mais uma dose!!! isso não é vida!!! hoje estamos felizes graças a Deus!!!

    ResponderExcluir
  2. é dificil abandonarmos nossos sonhos...dói pra caramba...mais tem vezes que as coisas não são como gostariamos mais como precisam ser...isso no meu ponto d vista é aceitar a vontade de Deus...algumas vezes temos que realmente deixar nas mãos de Deus nos afastar e entregar...como é dificil isso amiga nossa...mais temos nossa recompenas Deus não nos abandona nós com certeza alcançaremos a paz e a felicidade...seja junto deles ou não...Graças a Deus..vcs tem consguido...rezo muito pra que todas nós consigamos a nossa paz...

    ResponderExcluir