segunda-feira, 10 de setembro de 2012

tudo na Paz!!

Buenas Galeraaaa...

Só consegui escrever agora no blog...cheguei not rabalho e ja em mandaram pra um trabalho externo, fui visitar um hospital...acho que eu tava precisando...rs...explico o pq.

O feriado foi tranquilo, conseguimos eu e o marido ficarmos na praia sem tomar umas brejinha...rs...achei que seria dificil..pq pra quem gosta de cerveja sabe que, calor, mar, praia. feriado..chama a bendita da cerveja...mais não bebemos e fiquei feliz por isso.

Foi um feriado diferente, apesar de tudo estar bem, eu e meu marido estamos meio distantes um do outro, e eu sei que tem horas que ele ta magoado assim como eu tb estou, ai aquele apertozinho no coração que ficamos guardando, vai aumentando e vira uma angustia que vira nervoso...enfim...quem passa sabe...e ontem eu estava guniada demais, nervosa demais, não aconteceu nada nós não brigamos alias mau nos falamos, parece que preferimos evitar de conversar pra não discutir....isso é ruim...maaasss...

Passei ontem o dia todo pensando... Deus que sensação  ruim essa, não quero me sentir assim, só acho que eu e ele devemos ficar juntos pra vivermos felizes, agora se for pra ficar desse jeito, ficar junto pra que?..

AI ele me ligou de manhã dizendo que estava chateado com algumas atitudes da familia dele, problemas entre eles, num passado recente mais que ele não conseguia esquecer, que ele ta me achando estranha, distante, mais que ele ta tentando não focar o pensamento dele nessas coisas que isso faz mau a ele, eu ia começar a falar ele me interrompia, na verdade acho que ele queria mais era apenas desabafar...tudo bem eu ouvi...e falei que as vezes tb eu me enstristecia com algumas coisas (afinal as coisas não estão sendo fáceis, dividas...muitas) mais que eu estava tentando aquietar meu coração...e com o tempo as coisas iam se ajeitando.
Ai me mandaram ir nesse hospital, fazer um levantamento pra uma reforma, nossa quantas pessoas (hospital público) naquelas macas, nos corredores, coma  saúde debilitada, pessoas jovens, crianças, idosos...me fez pensar...que realmente apesar de situações chatas ou dificeis eu não tinha motivo pra me sentir do jeito que eu estava em sentindo.
Gente eu não tenho a mania de ficar reclamando, mais as vezes nossos sentimentos aparecem sem que fiquemos alimentando ele, é um incomodo que vc tenta e tenta espantar mais parece que ele só aumenta.

Ai pude concluir e ter certeza de que realmente só Deus...pra acalmar nossos corações, pedi tanto, mais pedi tanto que Deus tirasse aquelas sensações ruins da minha alma, que ele me mandou essa visita ao hospital de presente...rs..
Meus problemas não se resolveram, as contas, a desarmonia com o marido, continuam, mais eu voltei com um olhar diferente...percebi o quanto eu tenho pra ser feliz, a saúde, o restante a gente da um jeito, mais a sem a nossa saúde ai sim...é bem complicado.

Eu sei que não é fácil sentirmos paz e serenidade o tempo todo, somos humanos e vira e mexe as vezes nem sabemos bem o pq nos sentimos tristes, desanimados...

Por isso que aconselham:..se vc estiver desânimado perante a vida, cansado, visite um doente...rs...ou alguém que tenha um problema maior que o seu...só assim vc ve o quanto vc é feliz e automaticamente o desânimo e tristeza vão embora...

é isso gente, não estou conseguindo incluir imagens : (...

Espero que o feriado de vcs tenha sido massa...rs..

Bjinhuuuuuuu

Fuiii

9 comentários:

  1. Eu vejo uma grande evolução, uma grande vitória. Vcs passearam em familia, sem alcool, sem discussão, enfim, tudo pra ser um final de semana perfeito. Esse sentimento estranho pode ser a tal codependencia que parece não aceitar que a gente seja feliz....ela fica cutucando o coração pra ver se a gente deixa ela entrar. Força aí menina, chuta essa danada pra bem longe.

    Bjusss


    J

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Madrinha...pior que é...é akela coisa passei tanto tempo resolvendo problema dos outros que quando não tem problema dos outros pra resolver fica uma sensação estranha...hahaha...eu acho q sou codependente e ao mesmo tempo tenho tendencia a dependencia quimica tb...pense no perigo...minha vida só fazia sentido se tivesse o problema de alguém pra resolver ou quando não tinha umas cervejas pra tomar...rs..pra "relaxar"..eu quero muito me descobrir me conhecer, sempre procureif azer coisas que gosto mesmo sem tempo..academia por exemplo eu ia na hora do meu almoço...me cuidar, me maquiar, cuidar de mim..isso eu ja fazia...estou fazendo...quero aprender a viver os momentos simples com alegria...e buscar uma realização profissional, eu gosto muito do meu emprego, porém não me sinto como se diz realizada...e nem é pela parte financeira...mais pelo que eu faço mesmo...vou em busca dessa descoberta agora...rs..

      bjinhus...

      Excluir
  2. Kel, sei que se conselho fosse bom a gente vendia, mas posso te dar um?!

    Tenta acabar com essa distanciazinha que você disse que está tendo entre você e seu marido...
    Chame ele pra conversar numa boa... E resolvam isso, vai fazer bem tanto pra você, quanto pra ele.
    Se pra você chega a estar agoniante, com certeza pra ele também está sendo...
    Faz pouco tempo que ele saiu da clínica, faz pouco tempo que ele esta em recuperação... E o dependente-químico tem mais dificuldades pra lhe dar com certos sentimentos (pelo menos era o que o "JOão" me falava.. rs)...
    Então não deixe isso permanecer por mais tempo, nesse momento é importantíssimo o seu marido não alimentar sentimentos ruins dentro dele...

    Paz e serenidade!

    Beijinhos... e uma ótima semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vc não ta errada não...sim eu tento me reaproximar dele, ontem mesmo meus filhos estavam dançando o "eu quero tchu" e eu peguei ele pela mão e falei vem dançar...ele sorriu e se esquivou...uma coisa que eu aprendi é me respeitar, não to alimentando raiva ou ressentimento dele não...mais tb não tenho que fingir que ta tudo legal comigo quando não for isso que estou sentindo...ele precisa perceber que OK, ele é dependente e eu estou diposta a ajuda-lo porém eu tb sou ser humano com sentimentos sou uma codependente e não mulher maravilha...e que tem horas que assim como ele eu tb não to legal...rs..
      Sabe eu e ele, precisamos nos respeitar, nos conhecer pra podermos ter um relacionamento..senão será como antes..ele pode sentir toda a tristeza do mundo, toda a raiva do mundo, toda frustração do mundo..e eu tenho que ser a MURALHA...que quando desaba, grita, chora, culpa...pq ele não me entende?..como vou culpa-lo por não me entender se eu não deixar ele aprender a me entender escondendo meus sentimentos?

      Obrigada pelo conselhp, quando meu coração se acalmar voud eixar o orgulho de lado sim...bjinhu

      Excluir
    2. Concordo plenamente Kel, em questão de você ser honesta com seus sentimentos...

      Isso é uma coisa que eu sempre fiz com o "JOão", se eu ficava magoada com uma coisa que ele tinha feito, por mais que fosse boba, eu falava: Você fez isso e me chateou, não faz de novo...

      O conselho foi na parte de você ceder na questão de chamar ele pra conversar e falar o que está errado...

      Mas como você disse pra isso é preciso de deixar o orgulho de lado. Principalmente quando é outro que tá errado neh?!

      Continue com a atitude que você teve mesmo, como colocar ele pra dançar com os seus filhos... Na ativa o adicto se afasta muito de tudo neh?! E voltar a participar do dia a dia da familia, com certeza vai fazer ele perceber mais um motivo pra ficar limpo!!

      Bjs!! TamuJuntas

      Excluir
  3. Kelzinha, sabe aquela encostadinha de pé com pe´a noite? rsrs é um bom começo viu rsrs vcs, no dia seguinte vcs se olharão como quem ve passarinho verde rsrsrs


    beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Oi Kel, que bom que apesar de tudo, o feriado foi sereno. Acho que essa distância entre vocês é até normal, pois quando os dois estão em recuperação, parece que está faltando algo. Isso não quer dizer que o amor acabou, mas, sim que vocês precisam redescobrir-se de uma outra maneira; e o que é melhor de tudo, vocês terão a oportunidade de desenvolver esse relacionamento de uma forma mais saudável, sem culpa ou máscaras, apenas sendo quem são e compreendendo um ao outro.

    Beijos amiga, paz e serenidade SPH!

    ResponderExcluir
  5. Nada melhor para as coisas entrarem nos eixos do que o tempo amiga! Tudo faz parte, normal este distanciamento.
    O melhor de tudo é que o feriado foi sereno. Parabéns pela força, ir a praia sem tomar uma cerveja não é fácil.

    ResponderExcluir
  6. Meninas obrigada, MAria, Emily,Vivendo..., Fenix e madrinha...muito obrigada pelo carinho...bjinhuu

    ResponderExcluir