sexta-feira, 10 de agosto de 2012

o outro LADO




Buenas pessoal...

Espero que esteja tudo bem com vcs, comigo está bem graças a Deus.

Ontem foi reunião no AE, e meu marido quiz ir junto, eu deixei, ele dizia que queria ver o que era o Amor Exigente.

Eu sei que não é grupo pra adicto, mais ja vi alguns adictos em recuperação indo pra conhecer se são sempre muito bem recebidos, então não vi problema algum.

Olha e posso dizer que até agora foi uma das melhores escolhas que ele fez.

Nos encontros do AE, quem vai pela primeira vez é atendido separadamente, juntos somente com os de 1º vez, e ontem tinham 5 pessoas contando com ele, uma esposa junto com o irmão dela, um casal (pai e mãe) e meu marido adicto em recuperação.

Quando saimos de la, perguntei eai gostou?

Ele sempre orgulhoso...rs...respondeu é legal e fechou a cara, eu fiquei quieta.
Deu 2 minutos ele começou a falar:
- Foi muito bom eu ter vindo, pude conhecer o outro lado e confesso teve uma hora que me senti mal pq eu vi quanto sofrimento o adicto causa pra familia.
E ouvi da esposa de um rapaz que está internado a resposta que eu buscava ela disse assim..."Eu tenho sonhos, eu tenho minha vida, eu tento ajudar e ele me odeia eu deixo de ajudar e ele me odeia mais ainda, não da pra viver assim"...
Nessa hora meu marido me disse, é verdade eu sei que vc quer um marido "normal" vc quer ter alguém do seu lado de quem vc se orgulhe, de quem vc possa falar coisas boas isso é natural, uma mulher quer um MARIDO...de quem ela possa se orgulhar.
Quando ela disse que ele sentia odio dela e contou das brigas eu olhei a gente no espelho e vi o sofrimento dela relatando aquilo e lembrei do seu sofrimento que eu nunca havia me dado conta até esse momento
Eu disse a ele: é por isso que eu te digo que não sei viver isso denovo, não é te ameaçando é que realmente eu não consigo mais
Ele me disse que falou a esposa que estava la o seguinte: É verdade,  até uma semana atrás eu tava com odio da minha mulher, ela me perguntou o pq? Eu respondi que a internação é necessária sim mais quando estamos la nos revoltamos pq tudo foi tirado da gente, nossa liberdade, nossa familia  e a gente ta la preso, ai a gente quer sair e quem assinou não deixa a gente fica revoltado com raiva, porém uma coisa que ouviamos o tempo todo la era..."Ei, vc não está aqui pq comeu paçoca e tomou coca-cola, vc ta aqui pq VC usa droga, quem te colocou aqui foi VC e não ninguém"... mais eu tava tão revoltado que eu ouvia mais não entendia e ficava com raiva, agora aqui fora que to podendo refletir e entender o que eu aprendi la dentro.
Eu disse a ele que gostaria de ir em uma reunião aberta do N.A. com ele, a resposta foi que quando ele começasse a ir em uma sala ele ia ver que dia tinaha  reunião aberta e me levava sim.
Ele parou pensou e falou: ..Olha Rá..é dificil só por Deus a gente não consegue adivinhar o futuro mais uma coisa que eu te digo agora, eu não quero essa vida pra vc e pras crianças, vcs não tem que sofrer por um erro meu, é sofrimento demais pra vcs, espero que eu consiga.
Eu respondi consegue sim, SPH vc já conseguiu....

Depois fomos buscar as crianças na minha mãe e fomos pra casa...

Sobre mim falo no próximo post...rs..

Bjinhuuu

Nenhum comentário:

Postar um comentário